Clique e assine com até 92% de desconto
Noblat Por Coluna O primeiro blog brasileiro com notícias e comentários diários sobre o que acontece na política. No ar desde 2004. Por Ricardo Noblat. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A esperança do PT em Lula candidato é a última que morre

Para Bolsonaro, Moro suspeito seria o melhor dos mundos

Por Ricardo Noblat Atualizado em 18 nov 2020, 19h56 - Publicado em 1 out 2020, 09h00

Por razões óbvias, o PT não sairá por aí alardeando sua alegria com a escolha do desembargador Kássio Nunes Marques para ministro do Supremo Tribunal Federal. Se o fizesse, Bolsonaro poderia ser pressionado por seus devotos mais radicas a recuar.

A não ser que um ministro mais antigo peça a vaga de Celso de Mello na Segunda Turma, é para ali que Kássio irá. E assim deverá aceitar o pedido da defesa de Lula que arguiu a suspeição do ex-juiz Sérgio Moro no caso do processo do triplex de Atibaia, que o condenou.

Moro ficar carimbado de comportamento suspeito pelo Supremo é tudo o que Bolsonaro quer. Não só por vingança, mas para desestimular Moro de concorrer com ele em 2022. Quanto a Lula, dificilmente escapará a novas condenações.

O PT, porém, tem esperança de que escape e possa ser candidato.

Continua após a publicidade
Publicidade