Clique e assine com até 92% de desconto
Modo Avião Por Tatiana Cunha As dicas certeiras de turismo e os lugares incríveis do planeta para você planejar sua próxima viagem

Os 7 aeroportos mais verdes do mundo

Se você tem alguns minutos ou algumas horas aproveite os jardins internos e externos para desfrutar de momentos de calma e tranquilidade enquanto viaja

Por Tatiana Cunha Atualizado em 30 jul 2020, 21h02 - Publicado em 10 fev 2017, 12h10
Jardim de borboletas no aeroporto de Cingapura Tatiana Cunha

Já pensou poder caminhar entre árvores e flores ou relaxar num jardim de borboletas enquanto espera seu próximo voo? Sonho impossível? Nada disso!

Nem só de duty frees e restaurantes são feitos alguns dos principais aeroportos do mundo. Cada dia mais e mais empresas que administram os aeroportos estão investindo em jardins e áreas verdes para que os passageiros possam relaxar entre um voo e outro.

Seja em jardins internos, externos, paredes verdes ou apenas árvores espalhadas pelos terminais, o fato de estar em contato com a natureza, mesmo que minimamente, já ajuda na sensação de bem estar num ambiente que pode ser caótico e estressante muitas vezes.

Lembro da minha alegria quando há alguns anos descobri, sem querer, um jardim de borboletas no Terminal 3 de Changi, o maravilhoso aeroporto de Cingapura. Estava procurando a sala VIP que iria ficar antes de pegar meu voo e vi uma placa indicando o local. Curiosa que sou, fui ver do que se tratava. Depois de passar por uma  porta de vidro e depois uma “cortina” (para evitar que os bichinhos fujam”), era como se eu estivesse entrando num sonho.

Muito verde, muitas borboletas, até o clima lá dentro é diferente. Claro que esqueci da sala VIP e fiquei por lá até meu voo ser chamado

Mas não é só em Changi que você pode encontrar algo assim. Dê uma olhada nesta lista…

 

1. Aeroporto O’Hare, em Chicago

Aeroporto Chicago

Em 2011 o aeroporto de Chicago tornou-se o o primeiro do mundo a ter um “jardim aeropônico”. Localizado no Rotunda Building, no Terminal 3 do aeroporto, ele não apenas serve para enfeitar o local como também para abastecer alguns dos restaurantes do terminal com ervas, como salsinha, cebolinha, manjericão ou até alface, pimentas, ervilhas e flores comestíveis. As plantas são cultivadas sem terra e recebem os nutrientes que precisam para crescer na água, que é reaproveitada. São 26 torres suspensas e mais de 1.100 mudas, todas orgânicas. Dentre os restaurantes que usam os alimentos produzidos no terminal estão o Tortas Frontera, o Wicker Park Sushi, o Wolfgang Puck e o Tuscany Cafe.

Site: http://www.flychicago.com/

 

2. Aeroporto Incheon, em Seul

Incheon

Pra que um jardim se você tem espaço para sete? É justamente isso que você pode encontrar em Incheon, o aeroporto de Seul e provavelmente meu favorito no mundo. Cada um tem um tema diferente: cactos, flores, plantas graciosas, água, pedras, pinheiros, árvores floridas… Sim, esqueça o cassino, a pista de patinação no gelo ou o campo de golfe e visite os jardins quando for ao aeroporto sul-coreano. O mais legal deles, porém, fica fora do terminal de passageiros. É o Sky Garden, que tem mais de 150 espécies de plantas, como azaleias, bambus, entre outras. Do andar de cima dá pra ver o jardim e a pista do aeroporto.

Site: http://www.airport.kr

 

3. Aeroporto de Honolulu, no Havaí

Aeroporto Honolulu

Num lugar de natureza tão exuberante como o Havaí, o aeroporto não podia ser diferente. Super arborizado e praticamente todo aberto, o aeroporto de Honolulu faz a gente querer ficar ainda mais tempo na ilha _ele foi um primeiros do mundo a colocar um jardim dentro do terminal, quando foi construído, em 1962. Os jardins que enfeitam os terminais têm influencia havaiana, japonesa e chinesa. Conectados entre si, cada um deles possui plantas que representam estas culturas e oferecem experiências diferentes para os passageiros. Coqueiros, bambus, chorões, flores de gengibre… é possível achar de tudo por lá.

Continua após a publicidade

Site: http://hawaii.gov

 

4. Aeroporto Schipol, em Amsterdã

Schipol

No principal aeroporto holandês você pode escolher: quer um jardim de verdade ou um de mentira? No último andar de Schipol, há um rooftop cheio de árvores, plantas, bancos e poltronas onde os passageiros podem relaxar enquanto esperam seus voos. Mas se o tempo não estiver bom ou se você estiver com pressa também pode desfrutar do “Airport Park”, que fica dentro do terminal e é cheio de bancos, troncos, árvores de mentirinha e passarinhos cantando, mas que no final das contam ajudam a descontrair o ambiente.

Site: https://www.schiphol.nl

 

5. Aeroporto de Dubai

Aeroporto Dubai

Não é a toa que vira e mexe você está trocando os canais da TV e se depara com um programa sobre o aeroporto de Dubai (ok, confesso, eu assisto sempre ). Um dos mais movimentados do mundo, é quase que uma cidade. E, como não podia ser diferente, o aeroporto de Dubai também tem um belo jardim para chamar de seu. É o Zen Garden, que tem palmeiras, flores e, porque não, uma pequena cachoeira. Localizado perto dos portões B7 e B27, é um bom local para fugir do caos que o aeroporto pode estar dependendo da hora do seu voo.

Site: http://www.dubaiairports.ae/

 

6. Aeroporto de Vancouver

Aeroporto Vancouver

Se uma das maiores paredes verdes da América do Norte, com 27.391 mudas e mais de 18 metros de altura não for suficiente pra você, o aeroporto de Vancouver tem mais a oferecer. Bem ao lado do terminal internacional do aeroporto canadense fica o Chester Johnson Park, um oásis de tranquilidade em meio à loucura e agitação do terminal de passageiros. Com árvores enormes, totens, bancos e até uma cachoeira, o parque é uma boa opção para quem precisa de alguns instantes de calma antes de entrar no avião.

 

7. Aeroporto Changi, em Cingapura

Changi

Já falei do jardim de borboletas em Changi no comecinho deste post. Mas o aeroporto de Cingapura tem outros três jardins espalhados por seus terminais. No último andar do Terminal 1 fica o de cactus, que tem mais de 100 espécies diferentes de plantas típicas do deserto (o que é engraçado, já que Cingapura é muito tropical). Para quem está sem pressa, há um bar por lá, onde é possível relaxar com um drinque e aproveitar para tomar um pouco (mais) de sol. Os outros dois jardins ficam no Terminal 2: o de orquídeas e o de girassóis. São mais de 700 mudas da primeira e 500 da segunda espécie.

Site: http://www.changiairport.com/

 

  • Continua após a publicidade
    Publicidade