Clique e assine com até 92% de desconto
Me Engana que Eu Posto Por Coluna A verdade por trás de manchetes falsas que se espalham pela internet. Editado por João Pedroso de Campos.

Filho de Lula não gravou vídeo para ‘zoar o povo’ por preço da gasolina

Vídeo compartilhado no WhatsApp foi gravado em 2015 no Rio Grande do Sul. Homem que ri de 'pobres' não é sequer parecido com qualquer filho do petista

Por João Pedroso de Campos Atualizado em 8 jun 2018, 18h26 - Publicado em 8 jun 2018, 18h18

Boatos sobre a suposta riqueza dos filhos do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não são raros na internet brasileira. Alguns internautas gostam de propagar, por exemplo, a lorota de que Fábio Luís, o Lulinha, primogênito de Lula, é dono do frigorífico JBS, enquanto outros já compartilharam por aí a mentira de que um dos filhos do petista foi flagrado dirigindo uma Ferrari dourada no Uruguai. Ainda no clima da greve dos caminhoneiros, que levou postos a cobrarem até 10 reais por litro de gasolina, um novo boato começou a circular nos últimos dias: o de que um dos herdeiros de Lula gravou um vídeo “zoando o povo” depois de abastecer seu Camaro.

Nas imagens, amplamente compartilhadas no WhatsApp, um homem apontado como filho do ex-presidente diz o seguinte:

“Gasolina Podium, 4 reais o litro. Você não vai me perguntar se eu tô preocupado? Eu tô c… e andando. É até bom. Meu carro? Camaro V8, quantos quilômetros por litro será que ele faz? Boa pergunta, não faço ideia, sei que eu encho o tanque ali com uns 400 reais, que dá 100 litros, e ando, ando bastante. Olha, eu ando uns 200 quilômetros, tem motivo para eu estar preocupado? É claro que não, minha gente, olha pra essa faixa… Deserto. Quem tem que se preocupar ‘é’ os pobres, que tão com os carros ‘tudo’ na garagem, indo de ônibus pro serviço. Eu tô até agradecido, assim eu posso andar com meu Camaro mais sossegado. Obrigado, Dilma, beijão! Olha, pra ficar melhor, só se a gasolina estivesse, assim, uns 6 ‘pila’ o litro. Aí até essas ‘motinho’ saíam da faixa”.

O sujeito que se regozija com os prejuízos que a alta nos preços da gasolina causa entre os “pobres”, como ele diz, não é nenhum dos quatro filhos do ex-presidente Lula. Como se vê abaixo, Fábio Luís, Sandro Luís, Marcos Cláudio e Luís Cláudio Lula da Silva não são sequer parecidos fisicamente com o ostentador motorista do “Camaro V8”:

//VEJA.com

Além disso, este vídeo foi gravado e veio a público em outubro de 2015, quando houve uma alta no preço da gasolina. É por esse motivo singelo que o homem diz “obrigado, Dilma”, e não “obrigado, Michel Temer”. Àquela altura, em 2015, era Dilma Rousseff (PT) quem estava na Presidência da República. O impeachment da petista aconteceu somente em maio de 2016.

Diante dos preços abusivos cobrados pela gasolina em meio à crise de abastecimento causada pela greve dos caminhoneiros, os 4 reais cobrados pelo litro do combustível, como diz o homem, seriam celebrados naquele momento – e não alvo de ironias pelo alto custo.

Continua após a publicidade

Para desmoralizar de vez o boato, no vídeo original, sem cortes, o motorista diz logo no início: “Acabei de abastecer. Gravataí, Rio Grande do Sul. Gasolina Podium, 4 reais o litro, você não vai me perguntar se eu não tô preocupado?…” (assista abaixo). Nenhum dos quatro filhos homens de Lula vive no Rio Grande do Sul. A única entre os herdeiros do petista a morar fora do estado de São Paulo é Lurian Cordeiro Lula da Silva, que vive em Maricá (RJ).

Diante da polêmica do vídeo, certamente haveria registros dele na imprensa profissional caso retratasse mesmo um dos filhos de Lula, o que não é o caso. Trata-se mesmo de mais um boato.

 

Agora você também pode colaborar com o Me Engana que Eu Posto no combate às notícias mentirosas da internet. Recebeu alguma informação que suspeita – ou tem certeza – ser falsa? Envie para o blog via WhatsApp, no número (11) 9 9967-9374.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade