Clique e assine a partir de 8,90/mês
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O dilema de Eduardo Bolsonaro para as eleições municipais

Nascimento da 1ª filha do deputado está previsto para o início de outubro, o que poderá dificultar sua participação na campanha de prefeitos e vereadores

Por Edoardo Ghirotto - Atualizado em 27 set 2020, 09h02 - Publicado em 27 set 2020, 09h00

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) precisará resolver um dilema bem no início do período de campanha para as eleições municipais. Cortejado por vereadores e prefeitos que tentam seduzir o eleitorado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), ele está em vias de se tornar pai pela primeira vez. A mulher do deputado, Heloísa Wolf, dará à luz a uma menina no começo de outubro. Com isso, o Zero Três dificilmente conseguirá ajudar as candidaturas dos seus aliados de forma presencial.

ASSINE VEJA

A ameaça das redes sociais Em VEJA desta semana: os riscos dos gigantes de tecnologia para a saúde mental e a democracia. E mais: Michelle Bolsonaro vai ao ataque
Clique e Assine

A Justiça Eleitoral permite que os candidatos façam campanha nas ruas a partir deste domingo, 27. Para se antecipar ao nascimento da filha, Eduardo marcou para esta semana uma série de compromissos em São Paulo. Ele inicia os trabalhos na segunda-feira, 28, com o ex-assessor Paulo Eduardo Lopes, o Paulo Chuchu, candidato a vereador pelo PRTB em São Bernardo do Campo. Lopes ficou conhecido nacionalmente em julho, após o Facebook apontá-lo como “um dos principais operadores” de redes de desinformação na internet.

Na segunda à noite, Eduardo participa de um simpósio conservador na cidade de Guarulhos. Ele estará ao lado de Rodrigo Tavares, candidato do PRTB à prefeitura da cidade. Tavares é casado com a filha de Levy Fidelix, que preside o PRTB e disputará a prefeitura de São Paulo. Na capital, o presidente Jair Bolsonaro indicou que apoiará a candidatura de Celso Russomanno (Republicanos), mas ainda não definiu se os seus filhos deverão atuar para ajudá-lo.

Na terça-feira, 29, Eduardo volta a São Bernardo do Campo para novas agendas com Paulo Chuchu. Durante o período da tarde, ele vai a São Paulo fazer campanha para Sonaira Fernandes (Republicanos), uma das principais apostas da família Bolsonaro para a eleição à Câmara dos Vereadores da cidade. A candidatura de Sonaira foi uma escolha do próprio Eduardo. Ela já foi assessora do Zero Três e vinha chefiando o gabinete do deputado estadual Gil Diniz (PSL-SP), um dos políticos mais próximos aos Bolsonaro em todo o país.

Após o nascimento da filha, que se chamará Geórgia, Eduardo deverá fazer campanha virtualmente para alguns candidatos bolsonaristas. Espera-se que ele retome as agendas presenciais com mais afinco em novembro, sobretudo quando tiver início o segundo turno das eleições.

View this post on Instagram

Prestigiando o evento de 7 de Setembro 🇧🇷 💙💚💛 Lindo e emocionante como sempre!

A post shared by Helô (@heloisa.bolsonaro) on

 

Continua após a publicidade
Publicidade