Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Marina compara eleição com UFC e Kyra Gracie revida

Lutadora disse que esporte "tem regras" e pré-candidata disse que não era seu objetivo dar sentido equivocado à metáfora

Por Da Redação Atualizado em 18 mar 2021, 21h25 - Publicado em 15 jun 2018, 10h32

Não pegou bem a comparação que Marina Silva, pré-candidata da Rede à Presidência da República, fez entre eleições e o UFC. Pelo Twitter, a ex-senadora escreveu: “Eleição não é UFC. Não vou falar uma mentira do Ciro, do Alckmin ou do Bolsonaro. Eu quero ganhar ganhando!”.

Além de críticas de fãs do esporte, a lutadora Kyra Gracie, da família que introduziu o jiu-jitsu no Brasil, engrossou o coro contra a pré-candidata: “Uma pena vc ter essa visão estereotipada sobre o MMA. Nosso esporte tem regras”. Na sequência, Marina disse que não era seu objetivo dar sentido equivocado com a metáfora.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade