Clique e assine a partir de 8,90/mês
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Kassio poderá ficar quase 27 anos no STF; veja o tempo de outros ministros

Considerando que permaneçam no cargo até os 75 anos, ele só perderá em longevidade para Toffoli, Mello, Marco Aurélio, Gilmar e Moraes

Por João Pedroso de Campos - 2 out 2020, 13h07

Escolhido pelo presidente Jair Bolsonaro para a vaga que o ministro Celso de Mello deixará no Supremo Tribunal Federal (STF), o desembargador federal Kassio Nunes Marques poderá ficar quase 27 anos na Corte se a sua indicação for aprovada pelo Senado. O magistrado atingirá só em 16 maio de 2047 os 75 anos, idade em que os ministros do STF são compulsoriamente aposentados. Com a saída de Celso prevista para 13 de outubro, se Marques tomar posse em novembro, passará 26 anos e seis meses com assento no plenário da mais alta corte do país.

Depois de Mello, o próximo a deixar o STF será o ministro Marco Aurélio Mello, que completa a idade limite em 12 de julho de 2021. Em 2023 se aposentarão os ministros Ricardo Lewandowski e Rosa Weber, respectivamente em 11 de maio e 2 de outubro. Atual presidente do Supremo, o ministro Luiz Fux deixará a Corte em 26 de abril de 2028 e, em 19 de abril de 2029, será a vez de Cármen Lúcia. Gilmar Mendes se aposentará em 30 de dezembro de 2030.

O ano de 2033 poderá ter duas mudanças no Supremo em pouco mais de um mês: Edson Fachin completará 75 anos em 8 de fevereiro e Luís Roberto Barroso, em 11 de março. Entre 2042 e 2043 também serão duas aposentadorias. Dias Toffoli atinge a idade limite em 15 de novembro de 2042 e Alexandre de Moraes, em 13 de dezembro de 2043.

O período de cerca de 26 anos e meio no STF fará de Kássio Marques o sexto ministro mais longevo entre os atuais integrantes do STF ao final de sua atuação na Corte, considerando, é claro, que eles permaneçam no cargo até completarem 75 anos. Ele só ficará atrás de Toffoli (33 anos e 23 dias), Mello (31 anos, um mês e 27 dias), Marco Aurélio (31 anos e 29 dias), Gilmar Mendes (28 anos, seis meses e 13 dias) e Alexandre de Moraes (26 anos, oito meses e 26 dias).

Em seguida vêm Cármen (22 anos e dez meses), Barroso (19 anos, oito meses e 18 dias), Fachin (17 anos, sete meses e 27 dias), Lewandowski (17 anos, um mês e 26 dias), Fux (17 anos, um mês e 24 dias) e Rosa (11 anos, nove meses e 17 dias).

Continua após a publicidade
Publicidade