Clique e assine com até 92% de desconto
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Candidatos apoiados por Luciano Huck fracassam nas urnas

Quatro aspirantes a vereador ficaram na suplência, um outro não conseguiu nem isso e o único candidato a prefeito apoiado por ele perdeu

Por João Pedroso de Campos, Juliana Castro Atualizado em 16 nov 2020, 11h22 - Publicado em 16 nov 2020, 11h20

Possível candidato a presidente em 2022, perspectiva a que se mostra cada vez mais aberto, o apresentador Luciano Huck não teve sucesso no pleito de 2020 enquanto mecenas eleitoral. Nenhum dos seis candidatos a quem ele fez doações de campanha (investiu no total 45.000 reais), foi eleito. A maioria deles se candidatou pelo Cidadania, um dos partidos que almejam abrigar a candidatura presidencial de Huck.

Dos cinco candidatos a vereador que receberam dinheiro do apresentador, quatro ficaram como suplentes: no Rio de Janeiro, Chris Aguiar (Cidadania), com 1.676 votos, Jorge Melo (Cidadania), com 3.591 votos, e Armed Rio (Cidadania), com 3.930 votos, foram agraciados com 5.000 reais do apresentador cada, mesmo valor injetado na campanha de Raone Ferreira (PSB), suplente em Volta Redonda (RJ), com 1.409 votos. Outro candidato a vereador beneficiado pelo dinheiro de Luciano Huck, Léo Souza (Cidadania), que recebeu nada menos que 20.000 reais, não entrou nem para a suplência em Natal, com 4.022 votos.

O único candidato a prefeito apoiado financeiramente por Huck, Thiago Valério (Cidadania), foi o segundo mais votado em Barra Mansa (RJ), com 15.247 votos.

Veja quanto Luciano Huck doou para cada candidato e a votação deles:

Léo Souza (Cidadania), candidato a vereador em Natal pelo Cidadania – recebeu R$ 20 mil e obteve 4.022 votos

Continua após a publicidade

Chris Aguiar (Cidadania), candidata a vereador no Rio pelo Cidadania – recebeu R$ 5 mil e obteve 1.676 votos

Jorge Melo (Cidadania), candidato a vereador no Rio pelo Cidadania – recebeu R$ 5 mil e obteve 3.591 votos

Armed Rio (Cidadania), candidato a vereador no Rio pelo Cidadania – recebeu R$ 5 mil e 3.930 votos

Thiago Valério (Cidadania), candidato a prefeito em Barra Mansa (RJ) pelo Cidadania – recebeu R$ 5 mil e ficou em segundo lugar, com 18,09% dos votos válidos (15.247 votos)

Raone Ferreira (PSB), candidato a vereador em Volta Redonda (RJ) pelo PSB – recebeu R$ 5 mil e 1.409 votos

Continua após a publicidade
Publicidade