Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Holofote Por Silvio Navarro Os personagens que estão no centro do poder. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Mensalão: Kátia Rabello vai para casa

Ex-presidente do Banco Rural foi condenada a mais de 14 anos de prisão

Por Silvio Navarro Atualizado em 1 jul 2017, 00h12 - Publicado em 30 jun 2017, 17h58

Condenada a 14 anos e 5 meses de prisão no julgamento do mensalão, a ex-banqueira Kátia Rabello conseguiu liberdade condicional nesta sexta-feira. A decisão foi do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF). A ex-presidente do Banco Rural, instituição usada como balcão dos negócios espúrios dos mensaleiros, cumpriu 3 anos, 6 meses e 30 dias de detenção — ela conseguiu reduzir 456 dias da pena por trabalhar na prisão.

Barroso afirmou em sua decisão que Kátia Rabello cumpriu mais de um terço da pena, já pagou a multa imposta pela Justiça e teve bom comportamento durante a execução da pena. Ela deverá deixar o Complexo Feminino de Belo Horizonte (MG) nas próximas horas.

Publicidade