Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Felipe Moura Brasil Por Blog Análises irreverentes dos fatos essenciais de política e cultura no Brasil e no resto do mundo, com base na regra de Lima Barreto: "Troça e simplesmente troça, para que tudo caia pelo ridículo".

UMA CAPA ÉPICA! Mídia esquerdista detona Obama com seis anos de atraso! Presidente vai jogar golfe enquanto família de jornalista decapitado chora! Quanto tempo vai levar para a imprensa brasileira fazer o mesmo?

Por Felipe Moura Brasil Atualizado em 31 jul 2020, 03h14 - Publicado em 22 ago 2014, 05h32

Foi preciso morrer um jornalista (muito embora ativista pró-radicais islâmicos) para que os jornalistas de esquerda se indignassem com a indiferença do presidente Barack Hussein Obama. Veja a épica capa do jornal esquerdista Daily News, de Nova York, que finalmente, com seis anos de atraso, descobriu que o narcisista mais famoso do mundo não dá a mínima para o sangue americano derramado sob seu governo.

Obama capa Daily News golfe

É a “guerra do golfe” de Obama! Quanta alegria! Quanta diversão!

No canto inferior esquerdo, ainda se lê: “É isso que o presidente Obama quis dizer com enfrentar as dificuldades no Iraque? Minutos após dizer à nação ‘nós estaremos vigilantes e seremos implacáveis’ contra os monstros do Estado Islâmico do Iraque e do Levante [ISIS, na sigla em inglês] que decapitaram [o jornalista] James Foley [na foto à esquerda], Obama desfrutou uma rodada de golfe em Martha’s Vineyard [a ilha onde passa férias na costa nordeste dos EUA] na quarta-feira. Na mesma hora, os pais de Foley, John e Diane [na foto à direita], deram uma emocionante coletiva de imprensa honrando o seu filho corajoso.”

[O New York Post também fez matéria a respeito.]

A charge de Nate Beeler do jornal The Columbus Dispatch, de Ohio, ilustra bem a situação.

Obama golfe decapitação

“Esta decapitação deve chamar a atenção de Obama”, pensa o terrorista do ISIS, no mesmo cenário da morte de James Foley, mas segurando um taco de golfe.

Se a mídia esquerdista americana levou seis anos para se dar conta, ainda que ligeiramente, da ausência de sentimentos morais e senso de responsabilidade do presidente, quantos anos levará a imprensa brasileira – que consegue ser mais obamista que a original – para fazer o mesmo?

Continua após a publicidade

Em breve, comentarei mais a respeito. Sei que, até lá, ninguém “nêsti paíf” dará a mínima.

Veja meus artigos recentes sobre o assunto:

O Brizola do mundo;

As mentiras de Obama sobre a guerra no Iraque;

O choro e o genocídio que Obama deixou acontecer.

E recordar é viver:

Obama é um piscopata?;

O mínimo que você precisa saber para não ficar histérico.

Felipe Moura Brasil ⎯ http://www.veja.com/felipemourabrasil

Siga no Facebook e no Twitter. Curta e acompanhe também a nova Fan Page.

Continua após a publicidade
Publicidade