Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Terra Notícias faz cobertura mais distorcida dos protestos anti-PT. Ganhou o troféu chapa-branca do dia!

Veja mais este salto triplo carpado (com pirueta) do jornalismo militante, na cobertura dos protestos contra o desgoverno Dilma e a roubalheira petista:

Captura de Tela 2014-12-06 às 20.47.27

Não: não é o Facebook do PT. É o Terra Notícias, o grande vencedor do troféu chapa-branca deste sábado, 6 de dezembro.

Primeiro, eis as “dezenas” de manifestantes que saíram às ruas em São Paulo:

Dia 6 Terra contraponto 3

Dia 6 Terra contraponto 2

Terra contraponto

Contou? Pois é.

Diante de três grupos distintos, cada um com seu carro de som, o que fez o Terra? Escolheu o grupo radical minoritário, que pede a intervenção militar; tomou-o pelo movimento inteiro e destacou na matéria do site quatro fotos contendo cartazes com este pedido. Somente às 20h44, o Terra atualizou o número de manifestantes para 800, que, na verdade, era apenas o número inicial no Masp, conforme informou a Folha de S. Paulo:

“Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Militar, a concentração do protesto no Vão Livre do Masp, na avenida Paulista, reuniu cerca de 800 pessoas. O número de manifestantes, no entanto, aumentou ao longo da caminhada e era de, no mínimo, 2.000 na descida da rua da Consolação, em torno das 17h.”

Sim: às 17 horas já havia pelo menos 2 mil pessoas – uma estimativa modesta, aliás -, mas no tuíte das 17:04 do Terra – e também no post do Facebook das 17:30! – havia apenas “dezenas”. A propósito: O Globo informou que, segundo a PM, o protestou reuniu cerca de oito (8!) mil manifestantes.

E nada mais sem-vergonha do que associar essas “dezenas” de intervencionistas (e militantes infiltrados) ao ‘chamado’ de Aécio Neves, sabendo-se que o senador do PSDB já se pronunciou contra o uso da “intervenção militar” neste momento, não tendo chamado ninguém a lutar por tal coisa. Mas do jornalismo chapa-branca não se espera outra coisa senão tentativas como esta de denegrir a imagem de adversários do PT e desqualificar os protestos.

Na manchete atualizada do site, após muitas críticas nas redes sociais, ainda se lê:

Captura de Tela 2014-12-07 às 16.00.06Outra mentira, sintomática da má vontade de cobrir o movimento. A manifestação de MILHARES de pessoas contou, sim, com a presença de figuras políticas, a começar pelo senador José Serra (PSDB-SP), que discursou em carro de som, conversou com manifestantes e posou para fotos:

Dia 6 José Serra discursa

Jos José Serra no protesto 2 José Serra no protesto 1

E Serra não foi o único.

Os deputados José Aníbal e Mara Gabrilli, ambos do PSDB, também estiveram presentes, como apurou VEJA.

Dia 6 Protesto Dilma lei para todos“Vim conferir”, disse Aníbal, que, questionado em seguida sobre qual dos carros acompanharia, declarou que ficaria com o “Fora Dilma” e DESCARTOU a possibilidade de intervenção militar. Segundo ele, o movimento de rua é o espelho da atuação da oposição no Congresso Nacional, principalmente nesta semana, quando os oposicionistas obstruíram por 19 horas o projeto de alteração do superávit primário.

Já Gabrilli, uma das mais atuantes na sessão, acompanhou o cortejo do “Vem Para a Rua” e disse que a oposição fez um belo trabalho na obstrução. Segundo ela, foi vitoriosa a negociação da votação do estatuto da pessoa com deficiência na próxima quarta-feira. “Foi importante encerrarmos com uma pauta positiva”, disse.

Rogério Chequer, organizador do Vem pra Rua, disse que o ato se opõe à corrupção e à falta de ética dos políticos. “Somos contrários às ações do governo Dilma, que estão ligadas à corrupção, ao aparelhamento do Estado, à interferência entre os Poderes”, disse. Ele destacou ainda que não apoia manifestações mais radicais, como as que pedem uma intervenção militar. “Somos totalmente contrários à intervenção militar”, disse. “Defendemos a apuração total de irregularidades, punição dos condenados e um governo que tenha maior eficiência fiscal e administrativa, que não desperdiça o dinheiro do povo.”

Pois bem. A chamada que ficou na home do Terra durante o sábado também é típica da cobertura militante:

Captura de Tela 2014-12-07 às 16.11.57

Este é o fato relevante para o Terra: o bloqueio da Av. Paulista em plena tarde de sábado, quando ela fica bem menos movimentada que durante a semana (período preferido dos militantes petistas para protestar, posto que não trabalham). Aguardo o dia em que o portal noticiará: “Manifestantes contra governo Dilma pisam na grama”.

De resto, a matéria atualizada traz ao menos o senso das proporções ao informar que “A maioria dizia protestar unicamente contra a corrupção e cerca de 100 pessoas defendiam um golpe militar”, que é como o Terra chama a intervenção constitucional, é claro. Mas as informações erradas, o destaque para as fotos dos cartazes de intervenção e, principalmente, o tuíte sem-vergonha, continuam lá.

É por essas e outras que os manifestantes levaram este cartaz:

Dia 6 Protesto jornalistas verdade

Eu ajudo. Podem contar comigo.

Como queríamos demonstrar desde o primeiro protesto:

Intervenção é o que jornalistas militantes fazem nos fatos.

Parabéns, Terra, pelo troféu chapa-branca do dia!

* Fez jus à liderança na lista dos sites que mais receberam verbas publicitárias do governo federal em 2012, mesmo estando apenas em sétimo no ranking de audiência:

Captura de Tela 2014-12-07 às 17.59.30

PS:

Captura de Tela 2014-12-07 às 18.44.26

Veja tudo sobre os protestos anti-PT aqui no blog:
Vem pra rua! Em vídeos, artistas e políticos convocam para protesto contra desgoverno Dilma e roubalheira petista
– Protestos petistas X Protestos anti-PT: a diferença de cobertura da imprensa
– Vídeo com legendas comprova: CNN cobre protestos anti-PT melhor que imprensa brasileira. Até quando Jornal Nacional vai ignorar o movimento?
– Laura Capriglione quer educação contra Dilma, mas mente e xinga manifestantes anti-PT de coisas muito piores
– Dilma completa exploração da farsa sobre “intervenção militar”. Entenda o golpe petista para calar manifestações
– Viu, imprensa? Manifestantes anti-PT expulsam infiltrados que pedem ‘intervenção militar’. Lobão: “Vocês não são bem-vindos. Nós não fazemos parte dessa turma”
– Em vídeo, senador Álvaro Dias apoia protestos anti-PT: “Não desistam. Este é um movimento democrático, que não pode ser distorcido”
– PROTESTOS EM SP: Folha corrige matéria e tira “intervenção militar” do título. “Cerca de mil” vira “2,5 mil”! Intervenção é o que jornalistas militantes fazem nos fatos
– O terror da linguagem: ataques verdadeiros e falsas agressões
– “Imprensa brasileira esconde Foro de São Paulo” e manifestantes pedem ajuda a jornalistas estrangeiros. O resumo mais completo é deste blog! #FicaaDica
– “Precisamos despertar a outra parte do Brasil que está dormente”
– Lobão: “Minha participação nas manifestações é a de um cidadão indignado como qualquer outro brasileiro”
– 10 recados aos manifestantes anti-PT
– Vídeo oficial de protesto contra o PT desmente Jean Wyllys, Folha e Estadão. Veja também o manifesto completo
– “O BRASIL DESPERTOU”. Veja o vídeo de Aécio sem manipulações. Senador não repudia manifestações; só “utilização” delas no sentido de “retrocesso à democracia”

Felipe Moura Brasil ⎯ http://www.veja.com/felipemourabrasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Antonio Eduardo Monteiro Fernandes

    O site Terra é muito beneficiado pela distribuição de verbas publicitárias federais. Ganha muito mais publicidade do que seria razoável pela sua audiência.

    Curtir

  2. Comentado por:

    ACORDA BRASIL!

    Para não ter que mudar os conceitos, o partido dos PTralhas muda a interpretação dos fatos!
    Um texto leve e preciso.
    O pobre não entrava na faculdade. O que o PT fez? Investiu na Educação? Não,
    tornou a prova mais fácil.
    Mesmo assim, OS negros continuaram a não conseguir entrar na faculdade.
    O que o PT fez?
    Melhorou a qualidade do ensino médio?
    – Não, destinou 30% das vagas nas universidades públicas aos negros que entram
    sem fazer as provas.
    O analfabetismo era Grande.
    O que o PT fez?
    Incentivou a leitura?
    – Não, passou a considerar como alfabetizado quem sabe escrever o próprio Nome. A pobreza era Grande.
    O que o PT fez?
    Investiu em empregos e incentivos à produção e ao empreendedorismo?
    – Não. Baixou a linha DA pobreza e passou a considerar classe média quem ganha
    R$300,00.
    O desemprego era pleno.
    O que o PT fez?
    Deu emprego?
    – Não. Passou a considerar como empregado quem recebe o bolsa família ou não procura emprego.
    A saúde estava muito ruim.
    O que o PT fez?
    Investiu em hospitais e em infraestrutura de saúde, criou mais cursos na área de medicina?
    – Não. Importou um Monte de cubanos que sequer fizeram a prova para comprovar
    sua eficiência e que aparentemente nem médicos são. (Um já foi identificado como capitão do exército cubano)
    ALGUÉM AINDA DUVIDA QUE ESSE DEsGOVERNO É UMA TREMENDA MENTIRA?

    Curtir

  3. Comentado por:

    ACORDA BRASIL!

    19/04/14 – As mentiras ‘verdadeiras’
    PROFESSOR EMÉRITO DAS UNIVERSIDADES MACKENZIE, UNIP, UNIFIEO, UNIFMU, DO CIEE/O ESTADO DE S. PAULO, DA ESCOLA DE COMANDO E ESTADO-MAIOR DO EXÉRCITO E DA ESCOLA SUPERIOR DE GUERRA, É PRESIDENTE DO CONSELHO SUPERIOR DE DIREITO DA FECOMÉRCIO-SP, FUNDADOR E PRESIDENTE HONORÁRIO DO CENTRO DE EXTENSÃO UNIVERSITÁRIA
    Ives Gandra Silva Martins – O Estado de S.Paulo – 19/04/2014
    Na memória dos 50 anos do Movimento de 1964, que derrubou o governo Jango, tem sido ele criticado pelos que fizeram guerrilha, muitos deles treinados na sangrenta ditadura de Cuba e que objetivavam implantar um regime semelhante no Brasil, ao mesmo tempo que se vangloriam como sendo os únicos e verdadeiros democratas nacionais. Assim é que a própria Comissão da Verdade se negou a examinar os crimes dos que pegaram em armas – muitos deles terroristas, autores de atentados a shoppings e de homicídio de inocentes cidadãos -, procurando centrar-se exclusivamente nos praticados pelo governo militar, principalmente nas prisões onde houve tortura.
    Com a autoridade de quem teve um pedido de confisco de seus bens e abertura de um inquérito policial militar (IPM), nos termos do Ato Institucional n.º 5, em 13/2/1969, pertenceu à época à Anistia Internacional, combatendo a tortura perpetrada pelo governo, foi conselheiro da OAB-SP, opondo-se ao regime, e presidiu o Instituto dos Advogados de São Paulo na redemocratização, quero enumerar algumas “mentiras verdadeiras” dos adeptos de Fidel Castro recém-convertidos à democracia.
    A primeira é a de que foram os militares que quiseram a derrubada do governo. Na verdade, foi o povo que saiu às ruas, com o apoio da esmagadora maioria dos jornais, como se pode ver pelas fotografias do dia 19 de março de 1964 na Praça da Sé, diante das sinalizações do governo de que pretendia instalar o comunismo no Brasil. Depois do fatídico 13 de março, em que Jango incitou os sargentos a se rebelarem contra a hierarquia militar, até mesmo nomeando um oficial-general de três estrelas para comandar uma das Armas, os militares apenas atenderam ao clamor popular para derrubá-lo.
    A segunda mentira é a de que a repressão militar levou à morte de milhares de opositores. Entre combatentes da guerrilha, mortes nas prisões ou desaparecimentos, foram 429 os opositores que perderam a vida, conforme Fernão Lara Mesquita mostrou em recente artigo publicado no Estado. Por sua vez, os guerrilheiros, entre inocentes mortos em atentados terroristas e soldados em combate, mataram 119 pessoas.
    Comparados com os paredóns de Fidel Castro, que sem julgamento fuzilou milhares de cubanos, os militares foram, no máximo, aprendizes desajeitados.
    A terceira mentira é a de que o movimento militar prejudicou idealistas, que só queriam o bem do Brasil. Em comissão pelos próprios opositores do governo de então organizada, foram indenizadas 40.300 pessoas com a fantástica importância de R$ 3,4 bilhões.
    Eu poderia ter requerido indenização, pois o pedido do confisco de meus bens e a abertura de um IPM contra mim prejudicaram, por anos, minha carreira profissional. Mas não o fiz, pois minha oposição, à época, ao regime não era para fazer, mais tarde, um bom negócio, com ressarcimentos milionários.
    A quarta mentira é a de que os democratas recém-convertidos queriam uma plena democracia para o Brasil.A atitude de “admiração cívica” da presidente Dilma Rousseff ao visitar o mais sangrento ditador das Américas, Fidel Castro, em fotografia estampada em todos os jornais, assim como o inequívoco apoio ao aprendiz de ditador que é Nicolás Maduro, além de aceitar o neoescravagismo cubano, recebendo médicos da ilha – tratados, no Brasil, como prisioneiros do regime, sobre ganharem muito menos do que seus colegas que integram o programa Mais Médicos -, parecem sinalizar exatamente o contrário. Apesar de viverem sob as regras da democracia brasileira, há algo de um saudosismo guerrilheiro e uma nostalgia que revela a atração inequívoca por regimes que ferem os ideais democráticos.
    E para não me alongar mais neste artigo, a quinta mentiraé a de que o Brasil regrediu naquele período. Nada é menos verdadeiro. Durante o regime militar os ministros da área econômica eram muito mais competentes que os atuais, tendo inserido o Brasil no caminho das grandes potências. Tanto que, ao final, o Brasil estava entre as dez maiores economias do mundo. Hoje, com o crescimento da inflação, a redução do PIB, o estouro das contas públicas, o desaparecimento do superávit primário do início do século, os déficits do balanço de pagamentos e a destruição dos superávits da balança comercial, além do aparelhamento da máquina pública por não concursados – amigos do rei -, o País vai perdendo o que conquistara com o brilhante Plano Real, do presidente Fernando Henrique Cardoso.
    O ministro Torquato Jardim, em palestra em seminário na OAB-SP, que coordenei, sobre Reforma Política (2/4), ofereceu dados alarmantes. O presidente Barack Obama, numa economia quase oito vezes maior que a do Brasil, tem apenas 200 cargos comissionados. A presidente Dilma tem 22 mil!
    Tais breves anotações – mas já longas para um artigo – objetivam mostrar que, em matéria de propaganda, Goebbels, titular de comunicação de Hitler, tinha razão. Uma mentira dita com o tom de verdade, pela força da propaganda que o poder oferece, passa a ser uma “verdade incontestável”.
    Espero que os historiadores futuros contem a realidade do período, a qual não pode ser contada fielmente por “não historiadores” que se intitulam mentores da “verdade”, ou por comissões com esse estranho nome criadas.
    =======================================================
    EU ERA FELIZ E NÃO SABIA!
    “Erros foram necessariamente praticados durante o regime militar, como em todos os governos acontece, uma vez que para salvar a Pátria tudo é preciso e possível, inclusive matar o próprio filho, como fêz o Czar “Pedro o Grande” em sua época e hoje é relembrado na história como “o salvador da Pátria”! Eram tempos difíceis, mas inesquecíveis! Claro que, no reverso da medalha, foi promovida ampla modernização das nossas estruturas materiais. Fica para o historiador do futuro emitir a sentença para aqueles tempos que embora criticados por alguns deixa saudade para muitos.”E uma evidência salta aos olhos: A HONESTIDADE DE CADA UM DELES (Os 5 Generais Presidentes)!
    1º)Quando Castelo Branco morreu num desastre de avião, verificaram os herdeiros que seu patrimônio limitava-se a um apartamento em Ipanema e umas poucas ações de empresas públicas e privadas.
    2º)Costa e Silva, acometido por um derrame cerebral, recebeu de favor o privilégio de permanecer até o desenlace no palácio das Laranjeiras, deixando para a viúva a pensão de marechal e um apartamento em construção, em Copacabana.
    3º)Garrastazu Médici dispunha, como herança de família, de uma fazenda de gado em Bagé, mas quando adoeceu precisou ser tratado no Hospital da Aeronáutica, no Galeão.
    4º)Ernesto Geisel, antes de assumir a presidência da República, comprou o Sítio dos Cinamonos, em Teresópolis, que a filha vendeu para poder manter-se no apartamento de três quartos e sala, no Rio.
    5º)João Figueiredo, depois de deixar o poder, não aguentou as despesas do Sítio do Dragão, em Petrópolis, vendendo primeiro os cavalos e depois a propriedade. Sua viúva, recentemente falecida, deixou um apartamento em São Conrado que os filhos agora colocaram à venda, ao que parece em estado de lamentável conservação. OBS: foi operado no Hospital dos Servidores do Estado, no Rio.
    Não é nada, não é nada, mas os cinco generais-presidentes até podem ter cometido erros, mas não se meteram em negócios, não enriqueceram nem receberam benesses de empreiteiras beneficiadas durante seus governos. Sequer criaram institutos destinados a preservar seus documentos ou agenciar contratos para consultorias e palestras regiamente remuneradas. Bem diferente dos tempos atuais, não é?
    Pois é… o pior é que ninguém faz nada !
    Acrescento: nenhum deles mandou fazer um filme pseudo biográfico, pago com dinheiro público, de auto-exaltação e culto à própria personalidade!
    Nenhum deles usou dinheiro público para fazer um parque homenageando a própria mãe.
    Nenhum deles usou o hospital Sírio e Libanês.
    Nenhum deles comprou avião de luxo no exterior.
    Nenhum deles enviou nosso dinheiro para “ajudar” outro país.
    Nenhum deles saiu de Brasília, ao fim do mandato, acompanhado por 11 caminhões lotados de toda espécie de móveis e objetos roubados.
    Nenhum deles exaltou a ignorância.
    Nenhum deles falava errado.
    Nenhum deles apareceu embriagado em público.
    Nenhum deles se mijou em público.
    Nenhum deles passou a apoiar notórios desonestos depois de tê-los chamado de ladrões.
    nenhum deles mandou fazer um filme pseudo biográfico, pago com dinheiro público, de auto-exaltação e culto à própria personalidade!
    Nenhum deles manipulou e estimulou a discriminação, o preconceito de raças,e a proliferação das seitas que exploram os incautos em nome de um “falso Deus”, para conseguir votos e se manter no “puder”!
    ACORDA BRASIL! é preciso urgente que haja uma intervenção do exercito! PT NUNCA MAIS!
    Premonição do General Figueiredo? sim,
    Mais uma vez o general tinha razão.
    Pessoal, Vale lembrar a letra do hino nacional do nosso país
    Hino Nacional Brasileiro
    Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
    De um povo heróico o brado retumbante,
    E o sol da liberdade, em raios fúlgidos,
    Brilhou no céu da pátria nesse instante.
    Se o penhor dessa igualdade
    Conseguimos conquistar com braço forte,
    Em teu seio, ó liberdade,
    Desafia o nosso peito a própria morte!
    Ó pátria amada,
    Idolatrada,
    Salve! Salve!
    Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
    De amor e de esperança à terra desce,
    Se em teu formoso céu, risonho e límpido,
    A imagem do cruzeiro resplandece.
    Gigante pela própria natureza,
    És belo, és forte, impávido colosso,
    E o teu futuro espelha essa grandeza.
    Terra adorada,
    Entre outras mil,
    És tu, Brasil,
    Ó pátria amada!
    Dos filhos deste solo és mãe gentil,
    Pátria amada,
    Brasil!
    II
    Deitado eternamente em berço esplêndido,
    Ao som do mar e à luz do céu profundo,
    Fulguras, ó Brasil, florão da América,
    Iluminado ao sol do novo mundo!
    Do que a terra mais garrida
    Teus risonhos, lindos campos têm mais flores;
    “Nossos bosques têm mais vida”,
    “Nossa vida” no teu seio “mais amores”.
    Ó pátria amada,
    Idolatrada,
    Salve! Salve!
    Brasil, de amor eterno seja símbolo
    O lábaro que ostentas estrelado,
    E diga o verde-louro dessa flâmula
    Paz no futuro e glória no passado.
    Mas, se ergues da justiça a clava forte,
    Verás que um filho teu não foge à luta,
    Nem teme, quem te adora, a própria morte.
    Terra adorada
    Entre outras mil,
    És tu, Brasil,
    Ó pátria amada!
    Dos filhos deste solo és mãe gentil,
    Pátria amada,
    Brasil!

    Curtir