Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Felipe Moura Brasil Por Blog Análises irreverentes dos fatos essenciais de política e cultura no Brasil e no resto do mundo, com base na regra de Lima Barreto: "Troça e simplesmente troça, para que tudo caia pelo ridículo".

Qual esquerdista vai pagar psicólogo para menina de 12 anos estuprada por cinco adolescentes, que filmaram tudo?

O PT e demais esquerdistas da base aliada votaram contra a redução da maioridade penal, alegando, entre outros embustes, que “jovens negros e pobres” são as maiores vítimas da violência no país, como se vários deles não fossem vítimas justamente de menores (impunes), como rebati aqui. Hoje o Extra deu o enésimo exemplo disso. Uma menina de 12 anos foi […]

Por Felipe Moura Brasil Atualizado em 31 jul 2020, 00h59 - Publicado em 6 jul 2015, 22h54

familia-estupro-baixadaO PT e demais esquerdistas da base aliada votaram contra a redução da maioridade penal, alegando, entre outros embustes, que “jovens negros e pobres” são as maiores vítimas da violência no país, como se vários deles não fossem vítimas justamente de menores (impunes), como rebati aqui.

Hoje o Extra deu o enésimo exemplo disso.

Uma menina de 12 anos foi estuprada por cinco adolescentes no bairro Paiol, em Nilópolis-RJ, no mês passado, quando voltava a pé da escola perto de casa.

Ela teria sido atraída por uma colega para um local conhecido como Fazendinha, onde estavam cinco garotos – apenas um de 18 anos e quatro menores -, que rasgaram suas roupas e a estupraram, inclusive filmando o ato. A colega teria ido embora levando os pertences da vítima.

“Minha filha viu os meninos e tentou correr, mas um deles puxou os cabelos dela e tirou sua roupa”, contou a mãe. “Minha filha foi encontrada por vizinhos, assustada e sangrando. Alguns me contaram que ela gritava muito de tanto medo.”

A irmã da vítima diz que o vídeo do estupro circulou pelos celulares de alguns alunos da escola, aumentando o constrangimento.

“Muitas pessoas lá no colégio ficaram revoltadas com isso”, disse ela.

Continua após a publicidade

A menina sexualmente abusada está traumatizada e tem acordado no meio de todas as noites.

“A polícia está fazendo a parte dela. Sei que os envolvidos já estão identificados, mas quero justiça. Muita justiça. Minha filha agora vai andar na rua com medo. Ela não sabe quem é do bem e quem é do mal. Não pode mais confiar em ninguém”, lamentou a mãe.

A esquerda jura defender os pobres, as mulheres e os adolescentes.

Qual esquerdista estuprador(a) do bom senso vai pagar, com o próprio salário, ao menos um psicólogo para a menina de 12 anos de uma área pobre do Rio, estuprada por cinco monstros que a esquerda quer impunes?

Dilma Rousseff? Maria do Rosário? Alessandro Molon? Marcelo Freixo? Jandira Feghali?

Felipe Moura Brasil ⎯ http://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Continua após a publicidade

Publicidade