Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Felipe Moura Brasil Por Blog Análises irreverentes dos fatos essenciais de política e cultura no Brasil e no resto do mundo, com base na regra de Lima Barreto: "Troça e simplesmente troça, para que tudo caia pelo ridículo".

A diferença entre protestos de esquerda e de direita

Oi, amiguinhos. Na história de hoje, vamos aprender mais uma vez a diferença entre um protesto de esquerda e outro de direita. 1) Este é um protesto de esquerda: Descrição: Militantes de partidos esquerdistas e de seu braço estudantil, a UNE, defendem que assassinos, estupradores, ladrões e demais bandidos sub-18 anos que aterrorizam a população […]

Por Felipe Moura Brasil Atualizado em 31 jul 2020, 01h11 - Publicado em 11 jun 2015, 00h34

Oi, amiguinhos.

Na história de hoje, vamos aprender mais uma vez a diferença entre um protesto de esquerda e outro de direita.

1) Este é um protesto de esquerda:

alx_brasil-tumulto-camara-20150610-01_original

Descrição: Militantes de partidos esquerdistas e de seu braço estudantil, a UNE, defendem que assassinos, estupradores, ladrões e demais bandidos sub-18 anos que aterrorizam a população brasileira, especialmente pobre, não sejam julgados, condenados, nem presos; e possam voltar a barbarizar nas ruas, de ficha limpa, após breves medidas socioeducativas na Fundação Casa.

Como os militantes fazem isso? Interrompendo e tumultuando a reunião para votação do relatório do deputado Laerte Bessa (PR-DF) sobre a redução da maioridade penal, desejada por 87% dos brasileiros; e demonstrando por que querem uma lei menos rigorosa ao praticar furtos em meio à confusão, como o da câmera de um jornalista do SBT, do celular de uma repórter do G1 e de uma mochila da TV Bandeirantes, além de um notebook.

Quem agradece? Bandidos como Champinha, que, após manter Liana e seu namorado Felipe em cárcere privado e abusar sexualmente da estudante de 16 anos com seus comparsas em forma de rodízio, levou-a até um matagal, deu um forte golpe com um facão em seu pescoço, esfaqueou-a várias vezes, tentou degolá-la e golpeou sua cabeça com o lado sem fio do facão, gerando um fatal traumatismo craniano na vítima. Assim como aconteceu com Felipe, morto com um tiro na nuca pelo comparsa Pernambuco, o corpo de Liana ficou abandonado na mata.

Champinha

Champinha

2) Este é um protesto de direita:

Marcha chega lago

Continua após a publicidade

Descrição: Jovens independentes do Movimento Brasil Livre chegam ao Congresso Nacional em Brasília após caminhar por 33 dias desde São Paulo na Marcha pela Liberdade, para protocolar na Câmara dos Deputados o pedido de impeachment de Dilma Rousseff, de acordo com os procedimentos legais previstos na Constituição Federal.

Como eles fazem isso? Com bandeiras, cartazes e cantorias, em manifestação simbólica em área livre, pouco antes de seguir até o encontro previamente marcado com o presidente da Câmara e deputados dos quais cobram educadamente que não amarelem para a abertura do processo.

Quem agradece? Os mais de 63% de brasileiros que desejam o impeachment de Dilma Rousseff ou, talvez, os 75% que consideram seu governo ruim ou péssimo.

Cunha MBL

Ué, ninguém subiu em cima da mesa?

Muito bem, amiguinhos.

Na história de hoje, aprendemos a diferença entre a esquerda defensora dos bandidos e a direita defensora dos cidadãos de bem.

He-Man

Felipe Moura Brasil ⎯ http://veja.abril.com.br/blog/felipe-moura-brasil

Siga no Twitter, no Facebook e na Fan Page.

Continua após a publicidade
Publicidade