Clique e assine a partir de 9,90/mês
Dora Kramer Por Coluna Coisas da política. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Honra ao demérito

Bolsonaro premia inépcia de Weintraub com “saída honrosa”

Por Dora Kramer - 16 Jun 2020, 12h11

Abraham Weintraub é ministro da falta de educação em todos os sentidos. Além de reacionário demonstra-se sem modos e inepto para a gestão da pasta para a qual foi nomeado e da qual tudo indica esteja em via de sair.

Só não foi ainda porque o presidente Jair Bolsonaro está buscando uma “saída honrosa” para ele. Ministros qualificados, sendo alguns também bem vistos pela população, não contaram com o mesmo privilégio. Quando quis, Bolsonaro não economizou na temperatura da fritura e/ou no quesito humilhação.

E qual a razão disso apesar de todos os limites da incompetência e da capacidade de criar confusão ultrapassados por Weintraub? O motivo é que o presidente está sendo obrigado a afastá-lo. Dependesse só da vontade dele, o ministro ficaria onde está agindo como sempre, pois comporta-se como Bolsonaro, pensa como ele e funciona na mesma sintonia.

Publicidade