Clique e assine com até 92% de desconto
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

William Waack: “Jair Bolsonaro está perdendo a guerra com o Legislativo”

Para o jornalista, os deputados já mostraram que não se intimidam com a pressão da internet

Por Cristyan Costa 14 Maio 2019, 20h12

No Painel WW, William Waack comenta as mais recentes derrotas do governo Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados: além da recriação de dois ministérios, a transferência do Coaf do Ministério da Justiça para o da Fazenda e o fato de auditores fiscais terem sido proibidos de investigar assuntos penais, como lavagem de dinheiro. “O Legislativo está dando mais uma vez um recado brutal ao governo Bolsonaro”, afirma. “E o Executivo não consegue organizar uma base eficaz de apoio e de articulação política dentro da Câmara dos Deputados”. Waack acredita que a dificuldade do presidente em montar uma base sólida de apoio está na sua percepção de que os atuais parlamentares pertencem a outra era, na qual todas as negociações funcionaram de forma incorreta. “Bolsonaro tentou não negociar com partidos, não negociar individualmente com bancadas, preferindo falar com frentes parlamentes”, observa. “Mas, evidentemente, não está dando certo”. Segundo o jornalista, o Executivo utilizará as redes sociais para forçar os parlamentares a se comportarem como quer o governo, mas faz o alerta: os deputados já mostraram que não se intimidam com a pressão da internet.

Publicidade