Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Veja como reagem assessores presidenciais obrigados a ouvir maluquices em dilmês

O palavrório amalucado da presidente Dilma Rousseff é invariavelmente endossado pelas plateias amestradas com salvas de palmas, sorrisos cúmplices ou olhares embevecidos de quem está diante da versão brazuca de Winston Churchill. Para mostrar as reações dos assessores presidenciais obrigados a testemunhar sandices recitadas em dilmês castiço, o humorista Flávio Lamenza fez de conta que […]

Por Augusto Nunes - Atualizado em 31 jul 2020, 00h28 - Publicado em 17 set 2015, 18h41

O palavrório amalucado da presidente Dilma Rousseff é invariavelmente endossado pelas plateias amestradas com salvas de palmas, sorrisos cúmplices ou olhares embevecidos de quem está diante da versão brazuca de Winston Churchill.

Para mostrar as reações dos assessores presidenciais obrigados a testemunhar sandices recitadas em dilmês castiço, o humorista Flávio Lamenza fez de conta que era um deles. No vídeo que editou, ele aparece ao lado de Dilma enquanto o neurônio solitário ensina que o velho Noé saiu da Bíblia para entrar na História como inventor de uma arca que o transformou no primeiro cientista a surgir desde o Dia da Criação. Divirta-se.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=dzmbVpoJP2Y?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&w=425&h=344%5D

Publicidade