Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Poste pensando

Haddad aproveita a ociosidade para inventar a República sem filtro, prima da Ditadura da Intolerância

Por Augusto Nunes - Atualizado em 24 nov 2019, 19h11 - Publicado em 24 nov 2019, 18h11

“A democracia moderna é feita de filtros que obstruem o caminho da intolerância ao poder. Como esses filtros foram destroçados pela crise desde 2014, foi possível a Bolsonaro chegar à Presidência da República”. (Fernando Haddad, sem ocupação conhecida desde outubro de 2018, em artigo publicado na Folha, ensinando que, mais de meio século depois do lançamento do cigarro Continental com filtro, o Brasil criou em 2014 no Brasil a República sem filtro, prima da Ditadura da Intolerância)

Publicidade