Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Neurônio solitário (342)

Dilma manda mensagem em código: vai fazer de tudo para perder outra eleição em 2022

Por Augusto Nunes - 12 dez 2019, 17h23

“A onda conservadora que assola a América Latina é passageira. A Argentina mostrou que é possível derrotar nas urnas o neoliberalismo, que priva estados e governos de trilharem um caminho próprio”. (Dilma Rousseff, ao comentar em artigo publicado no site do PT a posse de Alberto Fernández e Cristina Kirchner, informando que não ficou satisfeita com o vergonhoso quarto lugar que amargou nas eleições para o Senado em 2018 e lutará bravamente pela lanterninha no pleito de 2022)

Publicidade