Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

#SanatórioGeral: Farra pública

Vereadora paulista mostra como não deve ser usado o dinheiro dos pagadores de impostos

“A vereadora utilizou os recursos de gabinete dentro dos preceitos estabelecidos na legislação municipal pertinente ao tema, bem como ainda atendeu também a todas as regulamentações internas estabelecidas e editadas pela Mesa Diretora da Câmara”. (Noemi Nonato, vereadora pelo PR paulista, disfarçada de nota da assessoria de imprensa, ao justificar por que desperdiçou R$ 65 mil — dinheiro dos pagadores de impostos — em 2017 para manter um site com informações sobre seu mandato, cuja última atualização tinha sido feita em 23 de agosto)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Juca Leiteiro

    Vamos ser francos! Isso não é farra, é roubo descarado!

    Curtir

  2. Juca Leiteiro

    A justificativa é uma piada, né FFAA? Ladrão eleito adquire poder de fazer lei para legalizar o roubo e fica tudo por isso mesmo?

    Curtir

  3. Juca Leiteiro

    O antes de depois do destino das verbas e do povo.
    Alemanha devastada e Alemanha rica.
    Japão arrasado e Japão rico.
    Brasil dominado pela malandragem e Brasil na penúria.
    E olha que aqui só se explode quarteirão por causa de bombas de festa juninas.

    Curtir

  4. Ué! pode até ser imoral, mas é legal, né? No Brasil qualquer parlamentar ou autoridade pode cometer qualquer crime deixará de ser crime pelo praticante ser parlamentar ou autoridade. Coisas do Brasil.

    Curtir