Clique e assine a partir de 9,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#SanatórioGeral: Diferentes mas iguais

Jaques Wagner enxerga em Bolsonaro um Lula sem barba e abstêmio

Por Augusto Nunes - 15 abr 2020, 15h17

“Bolsonaro está ficando cada vez menor, e cada vez só com os superfanáticos. As pessoas que têm bom senso acabam entendendo que ele não é companhia pra ninguém”. (Jaques Wagner, senador do PT da Bahia, conhecido pelo codinome Polo no Departamento de Propinas da Odebrecht, informando que Bolsonaro está cada vez mais parecido com o que Lula virou e que os admiradores do presidente estão imitando os integrantes da seita da qual Jaques Wagner faz parte)

Publicidade