Clique e assine com até 92% de desconto
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

#Sanatório Geral: Pobre português

Joesley Batista tem muita coisa em comum com Lula além de negócios patrocinados pelo BNDES

Por Augusto Nunes Atualizado em 30 jul 2020, 20h46 - Publicado em 6 set 2017, 16h21

“Se nós entregar o Zé, nós entrega o Supremo… Eu falei pro, eu falei pro Marcelo, cê quer pegar o Supremo? Quer? Pega o Zé. Guarda o Zé, o Zé entrega o Supremo”. (Joesley Batista, num trecho de um dos áudios em que conversa com Ricardo Saud, seu braço direito na JBS, deixando o país sobressaltado não com a notícia de que José Eduardo Cardozo pode estar enredado nas bandalheiras da dupla, mas com a descoberta de que existe outro brasileiro capaz de tratar a língua portuguesa tão impiedosamente quanto Lula)

Publicidade