Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O reinado planetário do Santos de Pelé começou com uma vitória sobre o Peñarol

O reinado planetário do Santos, que se estenderia até o fim daquela década, começou a tomar forma em 30 de agosto de 1962, quando o novo ocupante do trono ocupado pelo Real Madrid venceu o Peñarol em Buenos Aires por 3 a 0 e conquistou pela primeira vez a Libertadores da América. Depois da vitória […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 11h35 - Publicado em 19 jun 2011, 23h00

O reinado planetário do Santos, que se estenderia até o fim daquela década, começou a tomar forma em 30 de agosto de 1962, quando o novo ocupante do trono ocupado pelo Real Madrid venceu o Peñarol em Buenos Aires por 3 a 0 e conquistou pela primeira vez a Libertadores da América. Depois da vitória em Montevidéu por 2 a 1 e da derrota na Vila Belmiro por 3 a 2, o time que entrou em campo para a finalíssima no Estádio Monumental de Nunez incluiu o grande ausente das partidas anteriores: Pelé.

Veja no vídeo abaixo o gol de Coutinho que abriu o placar e os dois golaços do melhor jogador de futebol de todos os tempos.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=0OT_DgpWV58?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&feature=related&w=425&h=344%5D

O vídeo seguinte, um compacto de 38:20 minutos, mostra como jogou naquele dia o timaço escalado pelo técnico Lula no sistema 4-2-4:  Gilmar; Lima, Mauro, Calvet e Dalmo; Zito e Mengálvio; Dorval, Coutinho, Pelé e Pepe.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=K0kvQvKgbsg?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&feature=fvst&w=425&h=344%5D

Em 11 de outubro de 1962, em Lisboa, o Santos goleou o Benfica por 5 a 2 e se tornou campeão do mundo. As cenas exibidas no terceiro vídeo resumem o que foi considerada a maior exibição da mítica equipe comandada pelo Rei do Futebol.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=-5Dw8TWMJik?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&w=425&h=344%5D

Na próxima quarta-feira, o Santos só precisa vencer no Pacaembu o mesmo Peñarol para conquistar a Libertadores pela terceira vez. Tomara que seja o começo de uma saga semelhante à que deslumbrou o mundo entre 1962 e 1970.

Continua após a publicidade

Publicidade