Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

O parecer de Lula: ‘Deve haver qualquer sintoma de debilidade mental no funcionamento do cérebro de Collor’

Em 1993, pouco depois do despejo de Fernando Collor, o radialista Milton Neves quis saber o que Lula achava do adversário escorraçado do gabinete presidencial por ter desonrado o cargo. “Você tem pena de Fernando Affonso Collor de Mello?”, pergunta o entrevistador no começo do áudio. Ouça a resposta de Lula. “Tenho. Não é que […]

ALAGOAS/LULA/ADUTORA

Em 1993, pouco depois do despejo de Fernando Collor, o radialista Milton Neves quis saber o que Lula achava do adversário escorraçado do gabinete presidencial por ter desonrado o cargo. “Você tem pena de Fernando Affonso Collor de Mello?”, pergunta o entrevistador no começo do áudio. Ouça a resposta de Lula.

“Tenho. Não é que eu tenho pena. Como ser humano eu acho que uma pessoa que teve uma oportunidade que aquele cidadão teve de fazer alguma coisa de bem para o Brasil, um homem que tinha respaldo da grande maioria do povo brasileiro, ou seja. E ao invés de construir um governo, construir uma quadrilha como ele construiu, me dá pena, porque deve haver qualquer sintoma de debilidade no funcionamento do cérebro do Collor.
Efetivamente eu fico com pena, porque eu acho que o povo brasileiro esperava que essa pessoa pudesse pelo menos conduzir o país, se não a uma solução definitiva, pelo menos a indícios de soluções para os velhos problemas que nós vivemos.
Lamentavelmente a ganância, a vontade de roubar, a vontade de praticar corrupção, fez com que o Collor jogasse o sonho de milhões e milhões de brasileiros por terra.
Mas de qualquer forma eu acho que foi uma grande lição que o povo brasileiro aprendeu e eu espero que o povo brasileiro, em outras eleições, escolha pessoas que pelo menos eles conheçam o passado político”.

Como informa a foto na abertura do post, os dois viraram amigos de infância. Collor continua o mesmo. E Lula também não mudou: só deixou de fingir que era o que nunca foi.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Marcus Machado

    Mesmíssima história… Só mudam os personagens deste drama chamado de a república brasileira.

    Curtir

  2. Comentado por:

    J.B.CRUZ

    Pois eu tenho “PENA” dos dois…..

    Curtir

  3. Comentado por:

    Delcimar Bezerra

    Não, o povo não aprendeu não, lulla.

    Curtir

  4. Comentado por:

    FABIO

    Lulla disse tudo. Acho que elle tem bola de cristal…perfeito.

    Curtir

  5. Comentado por:

    Roberto

    Não sei se eles ou nosso povo merecem uma risadinha do vovoriso.Quem sabe um dia seremos abençoados com verdadeiros governantes??Vamos em frente!!!

    Curtir

  6. Comentado por:

    Ana Beatriz Ribeiro

    Infelizmente nós povo é que colocamos estes corruptos no poder. E pior, não fazemos nada pra mudar isto!

    Curtir

  7. Comentado por:

    leo

    Lula na época esperava que o povo aprenderia a votar,
    ledo engano, desaprendeu muito mais votando nele pró-prio duas vezes e em Dilma duas vezes para desgraça do Brasil.

    Curtir