Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Neurônio de prontidão

 “Ser um país pacífico não nos livra de termos uma indústria da defesa que vai colaborar na garantia da nossa soberania. A indústria da defesa é, sobretudo, a indústria do conhecimento”. Dilma Rousseff, nesta sexta-feira, durante a inauguração da Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas (Ufem) em Itaguaí (RJ), revelando que todo mundo é lula enquanto […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 06h45 - Publicado em 2 mar 2013, 03h39

 “Ser um país pacífico não nos livra de termos uma indústria da defesa que vai colaborar na garantia da nossa soberania. A indústria da defesa é, sobretudo, a indústria do conhecimento”.

Dilma Rousseff, nesta sexta-feira, durante a inauguração da Unidade de Fabricação de Estruturas Metálicas (Ufem) em Itaguaí (RJ), revelando que todo mundo é lula enquanto não aprender o que é coronha, onde fica o gatilho e como distinguir um trabuco de um míssil.

Publicidade