Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Muito vivo

“É lamentável que essas requentadas ilações político-eleitorais somente apareçam quando o ex-governador Quércia faleceu e não tem como se manifestar”. Nota divulgada pelo PT paulista em resposta à reportagem de VEJA sobre o escândalo dos aloprados, explicando que em respeito à memória de Orestes Quercia, um dos envolvidos no caso, não se deve falar nas […]

“É lamentável que essas requentadas ilações político-eleitorais somente apareçam quando o ex-governador Quércia faleceu e não tem como se manifestar”.

Nota divulgada pelo PT paulista em resposta à reportagem de VEJA sobre o escândalo dos aloprados, explicando que em respeito à memória de Orestes Quercia, um dos envolvidos no caso, não se deve falar nas maracutaias protagonizadas por Aloízio Mercadante, aparentemente muito bem de saúde.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    chorei antes de nascer

    Quércia merece respeito nenhum. Foi fiscal da receita federal e ficou milionário na política em poucos anos. E olhe que no seu tempo não tinha essa de assessoria nem de consultoria.

    Curtir

  2. Comentado por:

    M.A.S.

    Quércia morreu,mas o outro aloprado está aí para ser julgado e condenado se é que isso é possível no BRASIL.

    Curtir