Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Jô Soares usa como arma eleitoral um vídeo que junta 11 momentos da conversa com a comadre Dilma e conquista o troféu de junho

“Um beijo do Gordo, Presidenta!”, exclamou Jô Soares ao ser oficialmente informado da vitória na enquete que elegeu o Homem sem Visão de Junho. Com 5.067 do total de 8.922 votos, o campeão assegurou uma folgada vantagem sobre Fernando Pimentel (3.056 votos) e Sérgio Mamberti (799). “Dedico este triunfo à mulher mais culta, meiga, competente, elegante, gentil, erudita, […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 01h01 - Publicado em 1 jul 2015, 21h19

Jô- HSV- Junho

“Um beijo do Gordo, Presidenta!”, exclamou Jô Soares ao ser oficialmente informado da vitória na enquete que elegeu o Homem sem Visão de Junho. Com 5.067 do total de 8.922 votos, o campeão assegurou uma folgada vantagem sobre Fernando Pimentel (3.056 votos) e Sérgio Mamberti (799). “Dedico este triunfo à mulher mais culta, meiga, competente, elegante, gentil, erudita, sedutora e talentosa que já governou o Brasil”, emocionou-se o mestre na arte da entrevista a favor.

Segundo um dos músicos que trabalham no Programa do Jô, o HSV de Junho atribui seu notável desempenho na enquete ao golpe de marketing sugerido por João Santana. Tão logo a votação começou, o comitê central da campanha valeu-se das redes sociais para divulgar o vídeo, abaixo reproduzido, que agrupa 11 momentos antológicos da conversa de comadre. Confiram a jogada eleitoral que liquidou as chances dos dois concorrentes.

http://videos.abril.com.br/veja/id/ffa0f6eb8d75c2c10feb244494325794?

Garantida a vaga na finalíssima de dezembro, Jô revelou a um primo que já traçou o caminho que poderá levá-lo ao título de Homem sem Visão do Ano. “Ele disse que só precisa de uma entrevista por mês com a Presidenta”, confidenciou a fonte. “Na conversa de julho, por exemplo, ele provaria por A mais B que a conquista da mandioca só não foi mais impressionante que os 7 a 1 contra a Alemanha”. No último bloco, Dilma mostraria que entende mais de Inconfidência Mineira que o companheiro Tiradentes.

Foi mais uma demonstração de espírito cívico dos leitores-eleitores! E já começou a disputa pelo troféu de julho! Como sempre, que vença o pior!

Continua após a publicidade
Publicidade