Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Foi bom pra você?

Gafe de Temer reforça a suspeita de que o neurônio solitário pode ser contagioso

Por Augusto Nunes Atualizado em 30 jul 2020, 22h12 - Publicado em 1 ago 2016, 07h39

“Quero registrar a alegria de reencontrar o Pezão. Até dizia a ele que existem coisas que parecem maléficas que vêm para o bem. Vou tomar a liberdade de fazer um comentário pessoal: você está até mais bonito. Acabou sendo uma coisa útil para o Pezão”. (Michel Temer, internado por Celso Arnaldo Araújo durante inauguração do Metrô da Barra da Tijuca, na primeira aparição pública do governador Pezão após o tratamento de um câncer, dando a entender que ninguém convive impunemente com Dilma Rousseff por quase cinco anos e meio)

Publicidade