Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Conversa entre estadistas

Suplicy comemora o encontro com Dilma que demorou três anos para conseguir

Por Branca Nunes Atualizado em 30 jul 2020, 22h36 - Publicado em 1 jun 2016, 23h10

“Agradeço a Presidenta Dilma Rousseff por ter marcado para hoje, no Palácio da Alvorada, às 11 hs, a audiência que tenho solicitado desde julho de 2013. Irei sugerir que ela constitua um Grupo de Trabalho, com os melhores especialistas no assunto, para estudar as etapas previstas com o objetivo de instituir a Renda Básica de Cidadania”. (Eduardo Suplicy, ex-senador do PT paulista, secretário de Direitos Humanos do prefeito Fernando Haddad, ao celebrar em sua página do Facebook o encontro de cinquenta minutos que demorou três anos para conseguir, já se preparando para ouvir de Dilma, daqui a três anos, que não foi possível cumprir a promessa porque o impeachment chegou primeiro e a filha aproveitou a agenda vazia da mãe para encarregá-la de brincar com o neto Gabrielzinho noturna e diuturnamente)

eduardo suplicy - dilma

Publicidade