Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Com o loteamento dos ministérios, a aliança governista criou o mensalão que substitui doações em dinheiro pela entrega do cofre

PUBLICADO EM 11 DE AGOSTO DE 2011 Até os mendigos e os travestis que fazem ponto nas esquinas do Flamengo imaginaram que a pauta da reunião do diretório nacional do PT, realizada neste 5 de agosto no Hotel Novo Mundo, no Rio de Janeiro, seria quase inteiramente absorvida pelo tsunami de bandalheiras que varre a […]

PUBLICADO EM 11 DE AGOSTO DE 2011

Até os mendigos e os travestis que fazem ponto nas esquinas do Flamengo imaginaram que a pauta da reunião do diretório nacional do PT, realizada neste 5 de agosto no Hotel Novo Mundo, no Rio de Janeiro, seria quase inteiramente absorvida pelo tsunami de bandalheiras que varre a Esplanada dos Ministérios. O que acharam os Altos Companheiros, por exemplo, do despejo da quadrilha do PR em ação no mundo dos transportes? O que pensam das bandidagens no Ministério da Agricultura, arrendado ao PMDB? A faxina prometida pela presidente Dilma Rousseff deve ser ampla e irrestrita ou é melhor parar enquanto é tempo? Enfim, o que o partido tem a dizer sobre a corrupção endêmica que Lula plantou e Dilma adubou?

Nada, informam as 201 linhas do documento que relata o que foi tratado e decidido no conclave dos cardeais que caíram na vida. Sob o título geral “O Brasil frente à crise atual do capitalismo: novos desafios”, o papelório debita todos os pecados na conta do “ideário neoliberal”, cujos defensores são “setores da oposição, da mídia e do grande capital, especialmente o financeiro”. Num dos capítulos mais candentes, “o PT expressa sua solidariedade aos jovens, aos trabalhadores, aos migrantes e a todos os setores que combatem o neoliberalismo e repudia o nacionalismo de extrema direita, que mostrou sua verdadeira face no atentado ocorrido recentemente na Noruega”.

Resolvidos os problemas do planeta, a seita festeja a inauguração do Brasil Maravilha pelo chefe Lula e registra os retoques que faltam para torná-lo mais que perfeito. “Vem aí o debate sobre o novo marco regulatório dos meios de comunicação”, avisa o parágrafo que louva o “controle social da mídia”, como foi rebatizada a censura na novilíngua companheira. “Para o PT e para os movimentos sociais, a democratização dos meios de comunicação no país é tema relevante”. Num editorial publicado nesta quarta-feira, o Estadão foi à réplica: “O PT precisa é de um marco regulatório para a corrupção no partido”. No documento, a roubalheira colossal foi confinada em duas linhas: “O Diretório Nacional manifesta seu apoio às medidas que o governo Dilma ─ dando continuidade ao governo Lula ─ adota contra a corrupção”. Só.

Se cinismo desse cadeia, o Hotel Novo Mundo teria sido prontamente cercado por camburões e interditado pela polícia. Como a mentira foi transformada por Lula em virtude eleitoreira, o presidente do partido, Rui Falcão, prolongou o espetáculo do farisaísmo com uma apresentação individual. “O PT sempre foi muito cioso da defesa da aplicação correta dos recursos públicos e do combate à corrupção”, recitou o dirigente que promoveu a volta ao lar de Delúbio Soares. Falcão deu azar. No mesmo dia, VEJA divulgou os espantos mais recentes nas catacumbas do Ministério da Agricultura, entre os quais apareceu até mesmo um lobista que já foi preso por tráfico de drogas e agora se dedica a agredir fisicamente jornalistas independentes.

Nesta terça-feira, constatou-se que o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, esqueceu de comunicar a instituições subordinadas à pasta que faxina tem hora. Liberada para engaiolar delinquentes, a Polícia Federal prendeu 35 dos 38 gatunos em ação no Ministério do Turismo. A presença de petistas graúdos no bando que viajou na traseira do camburão ajuda a entender por que o documento do diretório nacional fugiu da ética como o diabo da cruz: é impossível ser, ao mesmo tempo, decente e desonesto. A “base aliada” não se ampara num programa político, mas num projeto financeiro: todos querem ficar mais ricos. É por isso que, como reafirmou a devassa no ministério controlado pelo PT e por José Sarney, o mensalão nunca deixou de existir.

O que mudou foi a metodologia. Até meados de 2005, o Planalto e o PT centralizavam a arrecadação e o repasse dos milhões de reais que garantiam o entusiasmo dos companheiros e a lealdade dos parceiros. Agora, já não é preciso forjar empréstimos bancários ou extorquir estatais, nem irrigar contas bancárias ou entregar malas de dólares. Em vez de doações em dinheiro, os partidos da aliança governista ganham ministérios ─ cofres e verbas incluídos ─, além da licença para roubar. O loteamento do primeiro escalão é o  mensalão sem intermediários. Em 2002, por exemplo, o PL de Valdemar Costa Neto embolsou R$6 milhões para descobrir que Lula era o cara. Em 2010, para enxergar em Dilma Rousseff a sucessora dos sonhos do PL com novo nome ,  o PR de Valdemar Costa Neto ganhou o Ministério dos Transportes.

Além de mais lucrativa, a fórmula modernizada aumenta exponencialmente o lucro, amplia a capilaridade das quadrilhas e democratiza a ladroagem. Antes, a repartição das boladas se limitava ao alto comando dos partidos. Agora, até prefeitos e vereadores entram na divisão do produto do roubo. A soma das evidências explica a tibieza exibida por Dilma desde que a vassoura tropeçou no lixo do PMDB. A presidente descobriu que herdou um legado que ajudou a construir. Mas também descobriu que a opinião pública existe. É bem menor que o eleitorado, mas o poder de pressão é maior. Não se contenta com uma bolsa família, não acredita em fantasias e está cansada de sustentar larápios.

A imprensa livre seguirá noticiando fatos e enxergando as coisas como as coisas são. A Polícia Federal e o Ministério Público não podem recuar. Dilma terá de decidir se a faxina para ou continua. Na primeira hipótese, a presidente topará com o monstro que ajudou a parir. Na segunda, o governo, o PT e seus comparsas estarão proibidos para sempre de falar em combate à corrupção. Mesmo que em duas míseras linhas.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Sonia

    Realmente, um marco regulatório para a corrupção do PT seria o ideal. Já abusaram demais. A dinheirama despejada em Cuba foi a pá de cal. Traidores do país em que nasceram, querem agora ir contra a espionagem – quanto oportunismo. São eles que corroem nosso patrimônio e permitem que coisas terríveis continuem a acontecer.

    Curtir

  2. Comentado por:

    Sonia

    Gostei do perfeito estudo sobre o conceito de carisma feito pelo “brasileiro de luto, mesmo”. Ele tem razão: Lula não tem carisma – “possui” fanáticos cheios de interesses escusos. Quem tem carisma atrai e prende a atenção de todos, mesmo que não professem os mesmos ideais. Quanto a Lula é tão aversivo que não conseguimos mais olhar a cara dele. E olhe que eu já fui admiradora dele há até alguns anos. Admirava o fato de, mesmo não tendo estudado, expressar-se com clareza e até acreditava em sua boas intenções. Fui boba? Não sei. Tinha esperança, que se desvaneceu no primeiro mandato – para sempre. Não tem carisma. Se tivesse, muitas pessoas como eu ainda suportariam ouvi-lo. Não suportamos mais.

    Curtir

  3. Comentado por:

    Revoltada

    A corrupção está destruindo valores que consagram a vida digna.O dinheiro está embrutecendo e enlouquecendo cidadãos que discursam num tom e agem fora do tom.Estou torcendo para que a Polícia Federal desvende todos os mensalões, beneficiários e patrocinadores.
    http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,policia-federal-liga-assessor-do-ministro-da-previdencia-a-esquema-criminoso,1077225,0.htm

    Curtir

  4. Comentado por:

    fpenin

    Essa turma que ocupa o governo não mede a criatividade: mensalério, embargos impublicáveis, etc. “Tamo ferrado”!

    Curtir

  5. Comentado por:

    fpenin

    Lula não é comunista, esquerdista ou direitista e sim OPORTUNISTA. Bem falou o grande jurista Rezek no imperdível Roda Viva desta segunda-feira: o grande e verdadeiro homem de esquerda chama-se Fernando Henrique Cardoso. O resto é um bando de … Deixa pra lá!

    Curtir

  6. Comentado por:

    GEROLDO ZANON

    E O RUI FALCÃO presidente do PT com estas atrapalhadas que os PETISTAS andam fazendo vai virar RUI PINTINHO

    Curtir

  7. Comentado por:

    GEROLDO ZANON

    E O RUI FALCÃO presidente do PT com estas atrapalhadas que os PETISTAS andam fazendo vai virar RUI PINTINHO ele gosta tanto do chefe da máfia fez até uma campanha para todo PETISTA DE CARTEIRINHA doar uma caixa de VIAGRA para o chefão

    Curtir