Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Celso Arnaldo X Dilma (4)

“Jornalista: Jefferson, da agência Reuters. ‘A senhora, quero só continuar no campo de autocrítica. A senhora falou aqui ao longo da conversa com a gente que pessimismo traz razão’… Presidenta: ‘Pessimismo dá razão, otimismo dá vantagem. Antonio Gramsci’. Jornalista: ‘Muito obrigado também por me educar. É que eu não lembrava’”. Dilma Rousseff, capturada por Celso Arnaldo […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 04h46 - Publicado em 19 dez 2013, 21h07

“Jornalista: Jefferson, da agência Reuters. ‘A senhora, quero só continuar no campo de autocrítica. A senhora falou aqui ao longo da conversa com a gente que pessimismo traz razão’…

Presidenta: ‘Pessimismo dá razão, otimismo dá vantagem. Antonio Gramsci’.

Jornalista: ‘Muito obrigado também por me educar. É que eu não lembrava’”.

Dilma Rousseff, capturada por Celso Arnaldo em momento educativo, durante a conversa com a imprensa no Palácio do Planalto, ao dar uma lição de Antonio Gramsci não só ao jornalista Jefferson como ao próprio Antonio Gramsci – reescrevendo espantosamente, em dilmês, o célebre aforismo do filósofo italiano “Pessimismo da inteligência, otimismo da vontade”.

Publicidade