Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Aécio não deve limitar-se a mostrar que nada fez de errado. É hora de desafiar Lula a contar o que sabe sobre as pilantragens de Rose e o enriquecimento de Lulinha

Diante das provocações de Lula, ressalva o comentário de 1 minuto para o site de VEJA, Aécio Neves não deveria limitar-se a deixar claro que nada houve de irregular na construção de um “aeroporto” na cidade mineira de Cláudio. Já que o ex-presidente descobriu que toda denúncia ou suspeita precisa ser investigada, o principal adversário […]

http://videos.abril.com.br/veja/id/1edb7391dae692313388855b068a52db?

Diante das provocações de Lula, ressalva o comentário de 1 minuto para o site de VEJA, Aécio Neves não deveria limitar-se a deixar claro que nada houve de irregular na construção de um “aeroporto” na cidade mineira de Cláudio. Já que o ex-presidente descobriu que toda denúncia ou suspeita precisa ser investigada, o principal adversário de Dilma Rousseff poderia convidá-lo a revelar o que sabe sobre pelo menos duas histórias muito mal contadas: as aventuras criminosas de Rose Noronha e o enriquecimento rapídissimo do filho Fábio Luiz, o Lulinha.

O que o palanque ambulante tem a dizer sobre as patifarias da amiga especialmente íntima que reduziu a subsede de quadrilha o escritório paulista da Presidência da República? Por que esconde da Polícia Federal, do Ministério Público e do Judiciário informações que apressariam o completo esclarecimento do caso? Por que o Instituto Lula banca as despesas de Rose e os honorários (cobrados em dólares por minuto) da tropa de advogados contratados para defendê-la?

Só o chefe e parceiro de Rose conhece os detalhes desse enredo. E só o pai de Fábio Lulinha pode desvendar mistérios que há tempos intrigam milhões de brasileiros. Se continuasse com o status de filho de metalúrgico, o jovem monitor de zoológico teria virado empresário e pecuarista em menos de cinco anos? Teria conseguido a carteira de sócio do clube dos milionários se não apresentasse na portaria a carteira de identidade premiada?

Um vídeo de 58 segundos não comporta mais que dois exemplos. O timaço de comentaristas está convidado a fazer a lista de vigarices, maracutaias e safadezas que envolvem o chefe supremo da seita que só celebra missas negras. E os candidatos oposicionistas que tratem de transformar o imenso acervo de safadezas em munição para o combate ainda em seu começo.

Dilma avisou que em ano eleitoral costuma fazer o diabo. Lula e seus devotos imaginam que, numa disputa pelo poder, o único pecado imperdoável é perder. Aécio já mostrou que sabe disso. Precisa agora deixar claro que não teme o bando de incapazes capazes de tudo. Só assim conseguirá identificar-se com as multidões decididas a encerrar nas urnas a era da bandidagem.

Elegância não pode ser o outro nome da tibieza. Tolerância não é sinônimo de capitulação. Acaba no chão quem tenta dançar minueto com quem só conhece forró. Não se tira para uma valsa quem só sabe mover-se ao som de quadrilhas. O avanço do primitivismo não será detido com buquês de rosas. É preciso escancarar a nudez do reizinho.

Se Lula continuar fantasiado impunemente de campeão da moral e dos bons costumes, os pedófilos não demorarão a assumir o controle de todos os orfanatos.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    paulo andre stockmann

    muito bom ! Um suspiro ler um texto que acenda uma lamparina nessa escuridao . obrigado

    Curtir

  2. Comentado por:

    Francisco Torres Pimenta

    O molusco precisa ser desmascarado!

    Curtir

  3. Comentado por:

    Gil Lucio Almeida, PhD

    Elas querem que ele cuide de seu filho chamado Brasil.
    A guerrilha deve ter embrutecido a jovem Dilma, ao ponto dela acreditar que os fins justificam os meios. A falência da lojinha que abriu lhe mostrou como as regras selvagem da competição do capitalismo podem ser devastadoras.
    Os vários cargos de confiança que exerceu no Rio Grande do Sul, por atos de nepotismo do ex-marido deputado, foi a sua iniciação ao mundo da ética dos políticos. A longa convivência com Lula lhe ensinou o caminho da ascensão social meteórica, sem ter que passar pelo crivo da competição capitalista devastadora. O exemplo veio com o próprio do filho do metalúrgico, que de funcionário de um zoológico se tornou referência da ética petista de sucesso, transformando em um empresário milionário.
    Essa convivência também treinou a Dilma a apreciar o bafo do álcool e a fazer vista grossa ao tratamento de altíssimo nível dispensado pelo seu “ex-patrão” às mulheres, como a Rose Noronha. Com ele também aprendeu a ver mais não enxergar. Com Lula, Dilma descobriu que é possível inclusive ver a Corte Suprema de um país prender uma quadrilha, sem que as autoridades conseguissem descobrir quem era líder.
    A Dilma ficou tão “durona”que esqueceu como funciona a alma de uma verdadeira mulher. As mulheres brasileiras não apreciam as Eunices, Roses Noronha e Dilmas. Para essas, as mulheres brasileiras reservam adjetivos para além de levianas.
    As mulheres brasileiras geram e criam sua família com o sangue e o suor do trabalho honesto. Sabem que de seus ventres nascem homens e mulheres e por isso escolhem os(as) dirigentes não pelo gênero, mas pelo caráter. Essas mulheres apreciam o sucesso e se encantam quando encontram um(a) estadista.
    Depois do Lula e de Dilma, a mulher brasileira percebeu que esteve mal casada por doze anos. Se não bastasse isso, para azar de Dilma e Lula aparece um estadista educado, inteligente, conciliador e com o sorriso que elas procuram. Como um cavalheiro, ele estende a mão e propõe um novo casamento. A aliança foi celebrada com votos abundantes nas urnas.
    Dilma e Lula aprenderam que as mulheres brasileiras não toleram chiliques, como a simulação de Dilma de queda de pressão depois de um embate com o estadista. Elas vão vigiar e olhar de perto se o novo ungido será digno de tamanho cortejo. Tudo o que elas querem é que ele cuide muito bem do seu filho chamado Brasil.
    Gil Lúcio Almeida, Ph.D
    Filho de uma mãe amada.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Amaury

    Esse maldito LULA deve ser sócio do diabo, pois pegam todos a sua volta e nada respinga nele ou não deixam respingar. Impossível que esse cara jamais saiba de alguma coisa, nem a marca da pinga que ele toma no dia a dia ele sabe.

    Curtir

  5. Comentado por:

    DAVI AZIM

    Caro leitor, as normas para publicação de comentários no blog não aceitam textos escritos somente em maiúsculas. Confira as regras no link http://wp.me/pJJki-3jS5.

    Curtir

  6. Comentado por:

    Carlos Ney Correia Ferreira

    Favor corrigir.
    Aécio não deve SE LIMITAR a mostrar que….

    Curtir

  7. Comentado por:

    Carlos Ney Correia Ferreira

    Aécio não deve SE limitar a mostrar….
    CORRIJAM.

    Curtir

  8. Comentado por:

    Thaís Magalhães

    Liberem o conteúdo da revista -não se encontra mais a revista a venda.

    Curtir

  9. Comentado por:

    sergio

    Cabe a revista veja que e a melhor revista semanal descobrir como podemos nos livrar de todos os que so fazem
    mal a esse pais digo uma forma legal talvez pedindo ajuda aos ESTADOS UNIDOS

    Curtir