Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Augusto Nunes Por Coluna Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

A serviço da nação

“Fui um dos primeiros a assinar o livro e não sabia nem que ia dar quórum. Estava no meu gabinete. Se tivesse sido avisado, teria ido à sessão.” Eduardo Cunha, deputado federal do PMDB do Rio de Janeiro, um dos presentes-ausentes à sessão do CCJ que aprovou 118 projetos com a presença de apenas dois […]

Por Augusto Nunes Atualizado em 31 jul 2020, 10h39 - Publicado em 27 set 2011, 09h32

“Fui um dos primeiros a assinar o livro e não sabia nem que ia dar quórum. Estava no meu gabinete. Se tivesse sido avisado, teria ido à sessão.”

Eduardo Cunha, deputado federal do PMDB do Rio de Janeiro, um dos presentes-ausentes à sessão do CCJ que aprovou 118 projetos com a presença de apenas dois dos 35 deputados que assinaram a ata, garantindo que, se alguém fosse buscá-lo no gabinete, teria encurtado o feriadão semanal para que a dupla virasse trinca.

Publicidade