Clique e assine a partir de 9,90/mês
Alberto Carlos Almeida Por Alberto Carlos Almeida Opinião política baseada em fatos

Bolsonaro é um peixe grande que caiu na rede das instituições

O mais provável é que ele fique preso na rede institucional até o final de seu mandato. Ele é um peixe grande, mas não é astuto

Por Alberto Carlos Almeida - Atualizado em 22 maio 2020, 23h43 - Publicado em 11 maio 2020, 13h12

Quando um peixe grande cai em uma rede de pesca, quanto mais ele se debate, mais ele fica enredado. Há quatro investigações transitando entre a Procuradoria Geral da República (PGR) e o Supremo Tribunal Federal (STF) que podem resultar na autorização de afastamento de Bolsonaro pela Câmara dos Deputados, a fim de ser processado pelo STF. No front exclusivamente política há dezenas de pedidos de impeachment na gaveta de Rodrigo Maia. Se as condições do impedimento amadurecerem, a gaveta poderá ser aberta.

ASSINE VEJA

Quarentena em descompasso Falta de consenso entre as autoridades e comportamento de risco da população transforma o isolamento numa bagunça. Leia nesta edição
Clique e Assine

Bolsonaro não tem o que fazer. Aliás, há duas opções: parar de se debater, ficar quieto se fingindo de morto, o que pode permitir que ele escape da rede de pesca institucional, ou continuar insistentemente se agitando, fazendo espuma, o que levará os pescadores, Ministros do STF, Procurador Geral da República e presidentes da casas legislativas a, no primeiro momento, puxar e apertar mais a rede de pesca. Neste caso, ele não seria puxado para fora do mar, mas poderia ficar próximo disso.

A rede institucional só irá tirar Bolsonaro da água caso os pescadores tenham força suficiente para puxá-lo, afinal, trata-se de um peixe grande. Essa força só pode ser fornecida pela opinião pública, desaprovando de forma maciça seu governo, e por manifestantes nas ruas pedindo seu afastamento. Se isso não ocorrer o mais provável é que ele fique enredado na rede institucional até o final de seu mandato. Ele é um peixe grande, mas não é astuto.

Publicidade