Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
A Origem dos Bytes Por Filipe Vilicic Crônicas do mundo tecnológico e ultraconectado de hoje. Por Filipe Vilicic, autor de 'O Clube dos Youtubers' e de 'O Clique de 1 Bilhão de Dólares'.

Amanhã, o PayPal lançará um estudo sobre o e-commerce brasileiro. Confira antes…

…um dos resultados, em informação exclusiva deste blog. Números a serem destacados pela pesquisa, que chamará “Perfil do e-commerce brasileiro”, apontam que a adoção da tecnologia de segurança SSL (secure socket layer) disparou de 20,68% dos sites para 73,85%. O que você tem a ver com isso? O SSL é aquele “https://” que aparece antes […]

Por Filipe Vilicic Atualizado em 30 jul 2020, 23h08 - Publicado em 30 mar 2016, 20h43

…um dos resultados, em informação exclusiva deste blog. Números a serem destacados pela pesquisa, que chamará “Perfil do e-commerce brasileiro”, apontam que a adoção da tecnologia de segurança SSL (secure socket layer) disparou de 20,68% dos sites para 73,85%. O que você tem a ver com isso? O SSL é aquele “https://” que aparece antes do endereço de algumas páginas. Simplificando, o recurso deixa a navegação online mais segura. Uma providência essencial quando se pensa em e-commerce – afinal, ninguém quer compartilhar dados bancários em um site não-protegido.

SlideSegurança_BigDataCorp-PayPal (2)

Imagem extraída da pesquisa da gigante americana PayPal mostra dados aos quais este blog teve acesso antecipado

A notícia ruim é que oito em dez páginas brasileiras de e-commerce não contavam com essa proteção até o ano passado. Na virada para 2016, porém, o cenário mudou drasticamente. Agora, apenas duas em dez ainda não possuem tal medida de segurança. Melhor para quem vende, melhor para quem compra.

Confira o estudo completo do PayPal – aos que não sabem, multinacional americana de sistemas de pagamentos online (fundada por ícones do Vale do Silício, a exemplo de Elon Musk e de Peter Thiel); e que abriu escritório no Brasil há cinco anos – amanhã, neste blog. No estudo, a empresa analisou 4,5 petabytes de dados provenientes de 10,5 milhões de sites.

Para acompanhar este blog, siga-me no Twitter, em @FilipeVilicic, e no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade