Group 21 Copy 4 Created with Sketch.
VEJA Entrevista com Da Redação

Consultas mais baratas ocupam brecha entre SUS e planos

Veja Entrevista recebe fundador do 'Dr. Consultas' e mostra alternativa de empreendedorismo no setor de saúde

access_time 17 abr 2017, 18h32

Thomaz Srougi é fundador da Dr. Consultas, empresa que enxergou oportunidade de oferecer consultas médicas mais baratas em centros de saúde particulares. Ele fala sobre o desenvolvimento da companhia e diz que não existe dinheiro suficiente para resolver os problemas sociais do Brasil.

Notícias sobre
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Como médico que trabalha um período em consultório e em outro no SUS, agora tenho recebido neste último uma leva de pacientes que chegam com pedidos e mais pedidos de exames e procedimentos solicitados pelos médicos das clínicas populares, alguns de necessidade duvidosa. Ou seja, no final das contas , o paciente acaba tendo que retornar ao sistema público, só que depois de gastar 80 reais.

    Curtir

  2. temis barbosa

    Concordo Gunga. O público geral que busca as consultas nas populares querem um posicionamento inicial mas esquecem que não maior parte das vezes terão exames complementares e estes transformam o barato sai caro.
    Não existe uma fórmula ideal mas não é bem assim as populares serem bom pra quem não têm acesso.

    Curtir

  3. Apesar do SUS oferecer serviço “gratuito”, na verdade, quem paga somos todos nós através dos impostos. É um sistema ultrapassado que draga dinheiro que poderia ser melhor administrado. Consultas e internações mais baratas iriam trazer melhor saúde e desenvolvimento social e, quem sabe, tornar o SUS apenas num centro de referência e direcionamento.

    Curtir