Giro VEJA com Da Redação

Após um mês do massacre, diretores de Alcaçuz são demitidos

Ivan Ferreira e Rubian Rocha foram exonerados do cargo; 26 presos morreram nos confrontos entre PCC e Sindicato do Crime. Acompanhe o 'Giro VEJA'

access_time 17 fev 2017, 12h23

Mais de cem blocos vão agitar o fim de semana de pré-carnaval no Rio de Janeiro e em São Paulo.

Notícias sobre
Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

  1. Esse tempo todo? Era pra ser na hora!

    Curtir

  2. Luiz Guilherme

    “Após um mês do massacre, diretores de Alcaçuz são demitidos”, com a imagem inicial de presos sentados ao formato do Carandiru. Como modo de quem só lê o título associe a imagem aos policiais como assassinos. Sendo que na verdade presos se mataram entre si.

    Curtir