Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Um ano sem Steve Jobs: quem são as novas forças do setor de tecnologia

Ainda não surgiu um nome que concentre todas as apostas, mas alguns líderes de empresas da área merecem atenção. Saiba quem são eles

Há exatamente um ano, Steve Jobs, fundador e força criativa por trás da Apple, morreu após uma longa batalha contra um raro tipo de câncer do pâncreas. Deixou um legado só comparável ao de gênios que aparecem de tempos em tempos sobre a Terra. Ele foi diretamente responsável, por exemplo, por aproximar tecnologia e usuário comum, dando forma a um computador pessoal, por revolucionar o negócio da música, dar impulso ao mercado de smartphones e praticamente inventar aplicativos para esses dispositivos. Também teve coragem de dar forma a um “leitor” de mídia que havia muito era ensaiado por empresas de tecnologia e, de quebra, empurrou adiante o setor de animação para o cinema. Por isso, termos como Mac, iPod, iPhone, iPad e Toy Story ficarão marcados na história.

Leia mais:

Especial: Vida e obra de Steve Jobs

‘Nunca tentei ser Steve Jobs’, diz CEO da Apple

Confira a seguir uma lista com os executivos que têm se destacado por exibir características que fizeram de Jobs um modelo na área de tecnologia. Com idades variando entre 28 e 48 anos, eles são apontados pelos analistas do mercado como algumas das forças que já mudaram (ou ainda podem vir a fazê-lo) os rumos do setor – e a vida de milhões de pessoas.