Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Nokia abraça um novo negócio: os carros inteligentes

Após vender divisão de celulares, empresa se prepara para fazer aportes em companhias que desenvolvem projetos de automatização de veículos

A Nokia vai investir 100 milhões de dólares em companhias que desenvolvam projetos de automatização de carros. A ideia é contribuir para que veículos sem motorista se transformem em realidade no futuro. Com a iniciativa, a instituição finlandesa se junta aos bilionários Elon Musk e Google, que investem na mesma área.

Leia também:

Microsoft conclui compra de divisão da Nokia

O aporte faz parte do novo mapa digital de negócios da companhia e será gerenciado pela venture capital Nokia Growth Partners. Esse é um movimento estratégico da empresa, que pretende se reestruturar após a venda de uma de suas mais importantes divisões, a mobile, para Microsoft, no ano passado.

Atualmente, a receita da Nokia está concentrada na venda de equipamentos para infraestrutura de rede de telecomunicações. Mas a intenção da multinacional é se fortalecer em outros setores e se tornar assim um concorrente de peso para companhias como Google.

“Estamos vendo o que está acontecendo em termos de inovação no setor automobilístico por meio da combinação de mobilidade e internet”, disse Paul Asel, da Nokia Growth Partners. “O carro está se transformando em uma plataforma da mesma maneira que o celular se transformou em um smartphone. Todos os aplicativos e serviços serão desenvolvidos em torno dessa nova plataforma”, completou o executivo.

A Nokia já atua em outros setores – geolocalização, por exemplo. Em 2008, a companhia comprou a empresa Navteq Corp, de Chicago, especializada em mapas e, em 2012, adquiriu a companhia Earthmine, desenvolvedora de mapas 3D. Atualmente, a Nokia oferece o seu serviço para a Amazon, Microsoft, Yahoo! e para quatro em cinco sistemas de GPS, um segmento crucial em um cenário de dispositivos conectados em que os dados de geolocalização são cada mais necessários.