Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

O ruralismo comunista de Kátia Abreu

Poucas figuras da política brasileira passaram por uma metamorfose tão intensa quanto a atual ministra da Agricultura, Kátia Abreu. Há apenas cinco anos, ela venceu uma eleição para o Senado com um discurso de confronto direto com o governo petista. Em 2011, entretanto, deixou o DEM para se filiar ao PSD. Prometeu que não mudaria de posição política. Mas rapidamente o discurso se mostrou falso. Kátia Abreu se aproximou tanto de Dilma Rousseff que ganhou o cargo de ministra da Agricultura. Agora, em viagem à Rússia, ela deu mostras de que a guinada ideológica (ou pelo menos estética) é ainda mais radical. A figura símbolo da bancada ruralista fez questão de exibir uma foto com o gorro típico dos líderes soviéticos. A imagem faz parte de um “ensaio” postado pela ministra em sua página no Twitter, e que também inclui poses com a famosa Catedral de São Basílio ao fundo. (Gabriel Castro, de Brasília)