O filho de Cabral entra na mira da Lava-Jato

Depois de Sérgio Cabral e Adriana Ancelmo, agora é a vez do deputado federal Marco Antonio Cabral se preocupar

Foi em circunstâncias nada românticas que o ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, e sua mulher Adriana Ancelmo se reencontraram pela primeira vez em mais de um mês. O cenário foi o avião da Polícia Federal que os levou a Curitiba — ele vindo do presídio Bangu 8, ela saída de prisão domiciliar. No desembarque, os aguardava Nilton Ishii, o onipresente japonês da Federal, que levou o casal direto para o primeiro cara-a-cara com o juiz Sérgio Moro. O curso da justiça vai seguindo para Cabral, o maior corrupto até agora pego pela Lava-Jato, mas a teia de propinas que ele montou e comandou ainda está sendo desvendada. A investigação agora pode envolver em breve mais um Cabral: o deputado federal Marco Antônio, 25 anos, filho nº 2 do ex-governador, sob investigação por suspeita de caixa dois em sua campanha, em 2014.

Em VEJA desta semana, os detalhes sobre o homem que pode comprometer Marco Antonio, o publicitário Francisco de Assis Neto, o Kiko, que foi subsecretário do governo Cabral e é dono da Corcovado Comunicação. Sua mulher chegou a procurar advogados com planilhas em mãos que mostram o repasse de 35 milhões de reais para a campanha do filho de Cabral em dobradinha com candidatos a deputado estadual do PMDB.

Para ler a reportagem na íntegra, compre a edição desta semana de VEJA no iOS, Android ou nas bancas. E aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Odilon Moreira

    pé de goiaba não dá jaboticaba , é mesmo filho do pai e da mãe .

    Curtir

  2. Diz um velho ditado, filho de peixe peixinho é…………………….tal pai, tal filho………………….

    Curtir

  3. gerson camargo

    Tudo em família

    Curtir

  4. Hattori Hanzo

    …pode prender este filho dä putå e do putô.

    Curtir

  5. Osmar Serrragem

    O casal é uma péssima influência para as crianças. Bota logo a mulher no presídio, também…

    Curtir

  6. Díz-me de quem és filho e te direi quem és!

    Curtir

  7. Árvore má, frutos ruins.

    Curtir