Moro chega escoltado à sede da Justiça Federal para depoimento

Além de proteção especial da polícia, o juiz Moro não precisou de nenhum tipo de ação especial para a sua chegada

O juiz Sergio Moro chegou ao prédio da Justiça Federal, em Curitiba, por volta das 9h30 desta quarta-feira. O magistrado estava acompanhado de um carro da Polícia Militar e não falou com a imprensa.

Ele se prepara para, às 14h, ouvir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no processo em que ele é acusado de receber propinas da Odebrecht na forma de um terreno para sediar o Instituto Lula e de um apartamento vizinho ao que ele reside, em São Bernardo do Campo.

Além da proteção especial da polícia, o juiz Moro não precisou de nenhum tipo de ação especial para a sua chegada. A rua da Justiça Federal tem acesso restrito a autoridades, moradores e imprensa.

Chegada do juiz Sergio Moro

O juiz Sergio Moro chegou na sede da Justiça Federal em um carro branco, seguido por carros de passeios com militares armados. (Guilherme Venaglia/VEJA.com)

O juiz Sergio Moro chegou na sede da Justiça Federal em um carro branco, seguido por militares armados.

O ex-presidente Lula chegou a Curitiba por volta da meia-noite de terça-feira. Diferentemente do último depoimento na Justiça Federal do Paraná, em maio, o petista dispensou o avião e chegou à capital paranaense em um carro de passeio.

Veja o entorno do prédio da Justiça Federal por volta das 12h:

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Embaixo da foto tem uma frase terrível: “seguido por carros de passeios “. O correto seria “carros de passeio” (singular). Parece que o professor de português do Lula inspirou o repórter…

    Curtir