Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Diário dos mortadelas

VEJA acompanhou um grupo de militantes que viajou 1 400 quilômetros de Brasília até Curitiba para dar apoio ao ex-presidente Lula

O militante petista Marcos Cavaçani chegou animado. “É aqui o Expresso Revolução?”, perguntava, em tom efusivo, aos companheiros que já se acomodavam no ônibus para enfrentar os 1 400 quilômetros de estrada entre Brasília e Curitiba. Era noite de segunda-feira. Os organizadores da parcela brasiliense da caravana montada para acompanhar o interrogatório do ex-presidente Lula pelo juiz Sergio Moro combinaram como ponto de partida o estacionamento de um hotel na região central da cidade, nas proximidades da Esplanada dos Ministérios. Alugado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) por 17 500 reais, o “Expresso Revolução” era um bom ônibus, daqueles de dois andares, com poltronas que se transformam em confortáveis camas. Entre os passageiros havia funcionários públicos, assessores de políticos, sindicalistas e estudantes. Em comum, o propósito de “evitar a prisão de Lula”.

Para ler a reportagem na íntegra, compre a edição desta semana de VEJA no iOS, Android ou nas bancas. E aproveite: todas as edições de VEJA Digital por 1 mês grátis no Go Read.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Também chamado de Expresso Carne Fraca. Gente hipnotizada pelo Brahma

    Curtir

  2. Poderia ser batizado de “Zumbis do PT”

    Curtir

  3. FABRICIO DE SOUZA MACHADO

    Se nós continuarmos optando pela total omissão e imenso asco à política como um todo largando todos na vala comum, esses MILITONTOS comprados à base de favores e muita mortadela e sobretudo os BANDIDOS que os comandam retornam… Contra ELES a única opção é ser como escoteiro e manter-se sempre alerta ! Obs: Parabéns ! Seu IMPOSTO SINDICAL e sua CARTEIRINHA DA UNE e outros estelionatos continuam bancando toda essa farra !

    Curtir

  4. FABRICIO DE SOUZA MACHADO

    A alienação é tamanha, que além de doarem os mantimentos, eles pagam pelas marmitas ! De graça só a MORTADELA !

    Curtir

  5. Tudo vagabundo! Trabalhador honesto tinha nenhum!

    Curtir

  6. Também conhecido como caminhão de lixo.

    Curtir

  7. Carmmando Alves

    quentinha 12 conto ??

    Curtir

  8. Credo! Que entojo!!!

    Curtir