Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Preparador da seleção, Taffarel visita Cássio no Corinthians

Presença do ex-goleiro no CT Joaquim Grava confirma as boas chances de Cássio ser lembrado por Tite na próxima convocação

O treino do Corinthians nesta segunda-feira teve uma visita ilustre: o ex-goleiro Cláudio Taffarel, preparador de goleiros da seleção brasileira, foi até o CT Joaquim Grava acompanhar de perto o desempenho do goleiro Cássio, que tem sido um dos destaques da campanha do líder do Brasileirão e deve aparecer nas próximas convocações do técnico Tite, seu velho conhecido.

Tite está animado com a boa fase do goleiro e passou a observá-lo com mais atenção. Embora tenham trabalhado e conquistado vários títulos juntos na passagem pelo clube paulista, o treinador ainda não chamou o corintiano para a seleção brasileira. Foi Tite, inclusive, quem tirou a titularidade de Cássio no Corinthians, no ano passado – o jogador teve dificuldades para controlar o peso e deu lugar a Walter, na ocasião.

Agora, porém, o técnico parece ter retomado a confiança no goleiro com quem conquistou diversos títulos, incluindo a Libertadores e o Mundial de Clubes, em 2012. Nesta segunda, Taffarel acompanhou a atividade ao lado do gerente de futebol do Corinthians, Alessandro.

Cássio foi convocado pela última vez em outubro de 2015, para as partidas contra Argentina e Peru, nos dias 12 e 17 de novembro, em Buenos Aires e Salvador, respectivamente, ainda sob o comando do técnico Dunga. Na ocasião, o corintiano não chegou a entrar em campo em nenhuma das duas partidas.

O goleiro já disse algumas vezes que acredita estar vivendo seu melhor momento na carreira. No último sábado, ele pegou um pênalti cobrado por Lucca, na vitória do Corinthians por 2 a 0 sobre a Ponte Preta, no Itaquerão.

“É difícil dizer se chegou a minha hora. É lógico que todo jogador que representar a seleção. Respeito os outros goleiros que estão sempre convocados, como sempre fiz, mas tenho feito um bom trabalho no Corinthians, que me credencia a ser convocado. Só que isso é com o professor Tite”, sorriu Cássio, após as partidas.

O habitual goleiro titular de Tite é Alisson, homem de confiança de Taffarel, mas contestado por não conseguir se manter como titular da Roma. Tite também tem dado chances a Ederson, Weverton e, mais recentemente, Diego Alves .A seleção volta a campo em 31 de agosto para enfrentar o Equador, em casa, pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo. Em 5 de setembro, a equipe encara a Colômbia, fora de casa.

(com Estadão Conteúdo e Gazeta Press)