Paulista: Fagner está fora da final Corinthians x Ponte

Corinthians promete recorrer do caso, para ter seu lateral na final de domingo

O lateral direito Fagner, do Corinthians, está fora da final do Campeonato Paulista. O Tribunal de Justiça Desportiva do Estado de São Paulo (TJD-SP) suspendeu o jogador por uma partida, nesta terça-feira, após troca de ofensas e agressões com o meia Cueva, na semifinal contra o São Paulo, dia 23 de abril, em Itaquera. Cueva foi apenas advertido.

O Corinthians entrará com pedido de efeito suspensivo nesta quarta-feira e acredita que vai reverter o resultado do julgamento, que terminou com placar apertado de 3 a 2. “Fagner vai jogar a final do Paulista. Houve a dúvida, e ela deve militar a favor do réu”, disse o advogado do clube, João Zanforlin. “Se o Fagner tomou um jogo, o Pottker tem que tomar cinco, porque deu um murro no Gabriel“, completou o advogado referindo-se a um lance da primeira partida da final contra a Ponte Preta, que ainda será analisado pelo TJD.

O julgamento foi realizado na tarde desta terça-feira, na sede do TJD. Os dois jogadores foram citados no artigo 250 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, caracterizado pela prática de ato hostil ou desleal. O diretor de futebol do Corinthians, Flávio Adauto, representou o jogador, que treinou no CT Joaquim Grava.

Léo Príncipe deverá ser o titular no próximo domingo, na última partida da final do Campeonato Paulista, contra a Ponte Preta, na Arena Corinthians.

(com Estadão Conteúdo)