Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

E Bangu e América-RJ? Também são campeões mundiais?

América, contudo, perdeu duelo que foi criado em 1962, contra o atual campeão

Muito se comenta da Copa Rio de 1951 e 1952 como os primeiros Campeonatos Mundiais, mas pouco se fala da International Soccer League, disputa  em Nova Iorque, nos EUA, entre 1960 e 1965, com títulos para Bangu e América-RJ.

Os torneios, especialmente o primeiro, teve características parecidas com o torneio de 1951 e 1952 e também teve chancela da Fifa, com participação especial de Stanley Rous, secretário-geral e depois presidente da Fifa, entre 1961 e 1974. 12 clubes de 12 países foram convidados para o primeiro torneio, disputado em 1960, de 4 de julho a 6 de agosto em Nova Iorque. O torneio foi uma idealização de William “Bill” Cox, milionário estadunidense, apaixonado por esportes, que queria iniciar a disputa de uma Liga de futebol no país.

O representante brasileiro seria o Fluminense, campeão carioca de 1959. Contudo, o time abriu mão da disputa e o convidado foi o vice-campeão do torneio, o Bangu. E o Bangu tinha um time forte, com Zózimo, campeão mundial com a seleção e a revelação Ademir de Guia, que foi eleito melhor jogador do torneio e que, depois, iria jogar no Palmeiras, transformando-se no maior jogador da história da equipe.

Os grupos foram divididos em dois grupos de seis clubes cada, classificando apenas o vencedor de cada chave para a final. O grupo A tinha o Burnley (campão inglês de 1959/1960), Nice (campeão francês de 1958/1959), Glenavon (campeão norte-irlandês de 1959/1960), Kilmarnock (vice-campeão escocês de 1959/1960), Bayern de Munique (3° colocado na sua chave do Campeonato Alemão) e New York Americans, time representante do país-sede.

Já o  grupo B, com o Bangu, ainda tinha o IFK Norrköping (campeão sueco de 1960), o Rapid Viena (campeão austríaco de 1959/1960), o Estrela Vermelha (campeão iugoslavo de 1959/1960), Sporting (vice-campeão português de 1959/1960), a Sampdoria (5ª colocada no Campeonato Italiano de 1958/1959).

O Kilmarnock venceu o grupo A, com quatro vitória e um empate. O Bangu fez a mesma campanha e venceu o grupo B. O jogo da vaga foi o último, contra o segundo colocado Estrela Vermelha. Os times tinha a mesma campanha, mas o Bangu ficou com a vaga ao vencer.

Na final, contra o Klmarnock, o Bangu venceu por 2 x 0 e ficou com a taça.

Em 1961, o mesmo Bangu representou o Brasil, mas ficou em segundo da chave com o Everton-ING, ficando de fora da final. O campeão foi o Dukla Praga, da Thecoslováquia.

Em 1962, outro brasileiro conquistou o torneio, já mais esvaziado. O América-RJ venceu o grupo A com Reutlingen (Alemanha), Guadalajara (México), Palermo (Itália), Dundee (Escócia) e Hadjuk Split (Iugoslávia). A final foi contra o Belenenses (Portugal), que venceu o grupo B, contra Wiener (Áustria), Panathinaikos (Grécia), MTK Budapest (Hungria), Elfborg (Suécia) e Real Oviedo (Espanha).

Na decisão, em dois jogos, o América-RJ venceu o Belenenses-POR e ficou com a taça. Naquela época, ainda havia a disputa extra, do atual campeão contra o do ano. E nessa decisão, o Dukla Praga, da Thecoslováquia, bateu o América-RJ na final.

Em 1963, o Sport Recife representou o Brasil e caiu na primeira fase, feito repetido por Bahia, em 1964, e Portuguesa, em 1965.

Com o tempo, o torneio foi perdendo peso e foi extinto. Já em 1960, o torneio mundial de clubes, como é conhecido hoje, teve sua primeira edição, ainda sem chancela da Fifa, com o campeão da Europa e o campeão da América do Sul. Esse formato durou até 2004, quando a Fifa realizou seu segundo campeonato mundial.

E aí, o Bangu também pode ser considerado campeão mundial? E o América-RJ?

Campanha do Bangu em 1960

1ª fase

04/07/1960 – Bangu 4 x 0 Sampdoria-ITA10/07/1960 – Bangu 3 x 2 Rapid Viena-AUT16/07/1960 – Bangu 5 x 1 Sporting-POR20/07/1960 – Bangu 0 x 0 IFK Norrköping-SUE31/07/1960 – Bangu 2 x 0 Estrela Vermelha-IUG

Final

06/08/1960 – Bangu 2 x 0 Kilmarnock-ESC