Mais Lidas

  1. Sequestrador de Ana Hickmann foi ‘assassinado com crueldade e frieza’, diz irmã

    Entretenimento

    Sequestrador de Ana Hickmann foi ‘assassinado com crueldade e...

  2. Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

    Entretenimento

    Ouça a conversa entre Ana Hickmann e fã que a atacou

  3. Afastado do Planejamento, Jucá ocupa tribuna do Congresso e provoca bate-boca

    Brasil

    Afastado do Planejamento, Jucá ocupa tribuna do Congresso e provoca...

  4. Aliados de Dilma entram em campo para impedir votação da nova meta

    Brasil

    Aliados de Dilma entram em campo para impedir votação da nova meta

  5. Bruna Linzmeyer sensualiza após ataques homofóbicos no Instagram

    Entretenimento

    Bruna Linzmeyer sensualiza após ataques homofóbicos no Instagram

  6. Temer bate na mesa e diz que sabe o que fazer no governo: 'Eu tratava com bandidos'

    Brasil

    Temer bate na mesa e diz que sabe o que fazer no governo: 'Eu...

  7. Jucá dá o troco em desafeto: 'Ele deveria entregar a mulher, que é procurada pela polícia'

    Brasil

    Jucá dá o troco em desafeto: 'Ele deveria entregar a mulher, que é...

  8. Morre, aos 65, o criminalista Arnaldo Malheiros Filho

    Brasil

    Morre, aos 65, o criminalista Arnaldo Malheiros Filho

Policial afegão mata dois soldados da Otan

- Atualizado em

Soldado afegão ao pôr do sol em base militar na cidade de Buwri Tana, no Afeganistão
Soldado afegão ao pôr do sol em base militar na cidade de Buwri Tana, no Afeganistão(Jose Cabezas/AFP/VEJA)

Um policial afegão matou dois soldados das forças da Otan no sul do Afeganistão neste sábado, antes de ser baleado, disseram oficiais de segurança e da coalizão. O incidente elevou para 47 o número de militares estrangeiros mortos em ataques internos neste ano.

O atirador estava voltando de uma operação de segurança em Helmand com soldados da coalizão quando ele virou a arma para eles, disse uma fonte. Ele matou dois soldados e feriu outros três.

Um soldado revidou atirando, matando o policial, informou um comunicado da Força Internacional de Assistência à Segurança (ISAF).

(Com Reuters)