Mais Lidas

  1. 1º de Maio: Dilma oficializa reajuste de 9% no Bolsa Família

    Brasil

    1º de Maio: Dilma oficializa reajuste de 9% no Bolsa Família

  2. Temer monta seu governo: “Quero entrar para a história”

    Brasil

    Temer monta seu governo: “Quero entrar para a história”

  3. Justiça bloqueia bens do senador Lindbergh Farias

    Brasil

    Justiça bloqueia bens do senador Lindbergh Farias

  4. Família real britânica divulga fotos da princesa Charlotte

    Mundo

    Família real britânica divulga fotos da princesa Charlotte

  5. Lula sempre ganhou mensalinho da OAS, diz empreiteiro

    Brasil

    Lula sempre ganhou mensalinho da OAS, diz empreiteiro

  6. Marta Suplicy é vaiada em discurso em São Paulo. De novo

    Brasil

    Marta Suplicy é vaiada em discurso em São Paulo. De novo

  7. A miss-bumbum e o clima de fim da festa no Planalto

    Brasil

    A miss-bumbum e o clima de fim da festa no Planalto

  8. Petrolão atinge cúpula do PT no Senado

    Brasil

    Petrolão atinge cúpula do PT no Senado

Nelson Mandela deixa o hospital

- Atualizado em

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela, hospitalizado por causa de dores abdominais, deixou o hospital neste domingo, anunciou a presidência. "Os médicos decidiram que poderia voltar para cada, porque o procedimento de diagnóstico que ele fez não mostrou nada de grave", afirma o comunicado oficial.

Anteriormente, a ministra da Defesa, Lindiwe Sisulu, informou que Mandela foi submetido a uma laparoscopia e passava bem. A laporoscopia é um procedimento cirúrgico minimamente invasivo da cavidade abdominal com o laparoscópio, que é introduzido por uma incisão na parede abdominal.

"É um procedimento de diagnóstico", explicou a ministra, cujos serviços são responsáveis pela saúde dos ex-presidentes do país. "Ele está bem e se recupera da anestesia. Está bem de acordo com sua idade", acrescentou, enfatizando que "não teve nada de grave".

O presidente Jacob Zuma afirmou no sábado que o ícone da luta contra o apartheid ia receber alta neste domingo ou na segunda-feira.

(Com France-Presse)