Mais Lidas

  1. Turista alemão morre ao tentar tirar selfie em Machu Picchu

    Mundo

    Turista alemão morre ao tentar tirar selfie em Machu Picchu

  2. Em imagens, o vestido da discórdia em Wimbledon

    Esporte

    Em imagens, o vestido da discórdia em Wimbledon

  3. PF descobre laços impróprios entre Toffoli e empreiteiro do petrolão

    Brasil

    PF descobre laços impróprios entre Toffoli e empreiteiro do petrolão

  4. 'Que moeda comprar após o Brexit? Experimente o real', diz WSJ

    Economia

    'Que moeda comprar após o Brexit? Experimente o real', diz WSJ

  5. Envenenamento causou morte de empresário investigado na Operação Turbulência

    Brasil

    Envenenamento causou morte de empresário investigado na Operação...

  6. “Determinar final de operações PF”: diz bilhete encontrado na residência de João Santana e Mônica Moura

    Brasil

    “Determinar final de operações PF”: diz bilhete encontrado na...

  7. Advogada liga Toffoli e Gilberto Carvalho a máfia do DF

    Brasil

    Advogada liga Toffoli e Gilberto Carvalho a máfia do DF

  8. Temer sanciona, com vetos, a Lei das Estatais

    Economia

    Temer sanciona, com vetos, a Lei das Estatais

Explosão derruba edifício na Rússia e deixa ao menos 4 mortos

- Atualizado em

Prédio destruído em Yaroslav após um forte explosão
Prédio destruído em Yaroslav após um forte explosão(Divulgação/Ministério do Interior/Reuters)

Pelo menos quatro pessoas morreram por causa de uma forte explosão de gás que destruiu nesta terça-feira um bloco de um edifício residencial de cinco andares na cidade de Yaroslav, na Rússia, cerca de 250 quilômetros a nordeste de Moscou. "Há também quatro pessoas hospitalizadas", disse o governador da região de Yaroslav, Sergei Yastrebov.

A explosão, que aconteceu às 4h20 locais (23h20 de Brasília de segunda-feira), destruiu completamente um bloco de cinco apartamentos, do primeiro ao quinto andar, e os serviços de emergência alertaram sobre a ameaça de um colapso ainda maior, já que o edifício possui quatro blocos. As equipes de resgate e os bombeiros continuam trabalhando no local, pois existe a possibilidade de haver mais pessoas presas sob os escombros.

Leia também

Rússia está pronta para discutir possível cessar-fogo na Síria, dizem agências

Putin põe quimono e distribui 'ippons' na seleção de judô da Rússia

"A situação ainda não está clara. Nos apartamentos destruídos, havia entre doze e dezessete pessoas de acordo com o censo, mas segundo os vizinhos, um dos imóveis estava desabitado", disse o governador. Os moradores dos outros quatro blocos residenciais foram evacuados e só poderão voltar às suas casas após uma vistoria constatar que elas não correm risco.

(Com agência EFE)

TAGs:
Rússia