África

Acidente de ônibus em Angola mata 23 torcedores

Depois da Malária, acidentes rodoviários são a 2ª maior causa de morte no país

Vinte e três torcedores de um time de futebol da primeira divisão angolana morreram e outros 29 ficaram feridos quando o ônibus em que viajavam se acidentou após uma partida, informou a imprensa estatal nesta segunda-feira. O ônibus que transportava 70 torcedores do Kabuscorp se acidentou na província de Kwanza-Sul (sul), a cerca de 600 quilômetros da capital, Luanda, na noite de sábado, segundo o Jornal de Angola.

A equipe tinha perdido o jogo por 2-0 em confronto contra o anfitrião Libolo, em partida do campeonato nacional. As vítimas eram funcionárias de uma companhia de segurança contratada pelo Kabuscorp. Sediado em Luanda, o clube pertence ao empresário Bento Kangamba, que tem ligações com o partido MPLA, no poder. Em um comunicado, o presidente José Eduardo dos Santos expressou sua "profunda tristeza" com o acidente.

Acidentes rodoviários são a segunda maior causa de morte, depois da malária, neste país do sul da África, rico em petróleo. Em maio do ano passado, 42 simpatizantes do partido de oposição, Unita, morreram em outro acidente na mesma região.

(Com agência France-Presse)

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados