Tarja do tema UFC

MMA

UFC: vídeo mostra choro de Anderson e apoio dos amigos

Usher, Roy Jones Jr., Ronaldo e equipe consolaram ex-campeão em Las Vegas

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    David Becker/AP

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva é nocauteado por Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • UFC 162: Gabriel 'Napão' comemora vitória contra o americano Herman

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • UFC 162: Gabriel 'Napão' derrota o americano Dave Herman

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • UFC 162: Edson Barboza derrota Rafaello Trator

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • UFC 162: Edson Barboza derrota Rafaello Trator

    Donald Miralle/Zuffa LLC/Getty Images

  • A pesagem do UFC 162: Silva x Weidman, no cassino Mandalay Bay, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Anderson Silva na pesagem do UFC 162, no cassino Mandalay Bay, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • Chris Weidman na pesagem do UFC 162, no cassino Mandalay Bay, em Las Vegas

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • A pesagem do UFC 162: Silva x Weidman, no cassino Mandalay Bay, em Las Vegas; na encarada, Frankie Edgar e Charles do Bronx

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

  • A pesagem do UFC 162: Silva x Weidman, no cassino Mandalay Bay, em Las Vegas; na encarada, Tim Kennedy e Roger Gracie

    Josh Hedges/Zuffa LLC/Getty Images

Foto 0 / 44

Ampliar Fotos

O ex-campeão Anderson Silva divulgou nesta quinta-feira um vídeo com os bastidores da sua derrota para Chris Weidman no UFC 162, em Las Vegas, no domingo. Em pouco menos de sete minutos, o filme mostra o brasileiro entrando no octógono e, depois do primeiro nocaute sofrido em sua carreira, os encontros do atleta com amigos como Usher (com quem fez uma oração), Roy Jones Jr. (com quem o Spider espera fazer uma luta) e o ex-jogador Ronaldo (que pediu uma vitória numa futura revanche contra Weidman). Depois das imagens da entrevista coletiva no MGM Grand - em que tanto Weidman como Dana White elogiam o ex-campeão -, o vídeo mostra a emoção de Anderson Silva ao reunir seus treinadores e amigos numa suíte no 19º andar do hotel. O ex-campeão chorou, foi consolado pelo técnico Ramon Lemos, agradeceu a todos e puxou o grito de guerra da Team Nogueira, academia onde faz sua preparação no Brasil. Apesar do desfecho triste, o Spider fez questão de reunir toda a sua equipe para marcar o fim dos quatro meses de preparação para a luta.  

Leia também:
Derrota deixa Anderson e Dana White desnorteados
Spider desconversa, mas Dana já costura a revanche
Após queda, Usher tenta reerguer Anderson; assista
Cansado de ganhar, Anderson sentiu alívio ao perder

Anderson x Weidman: o que estará em jogo na revanche?

1 de 4

A credibilidade do UFC

São muitas as teorias da conspiração que afirmam que Anderson Silva vendeu seu cinturão para o americano Chris Weidman, ao ser nocauteado no segundo round, no UFC 162, em Las Vegas. Para os fãs mais antigos, a armação de resultado é algo que não tem lugar no torneio. Quem começou a acompanhar o MMA há pouco tempo, porém, acaba suspeitando que tudo já estava combinado. Uma revanche serviria para encerrar a dúvida sobre quem realmente merece ficar com o título dos médios do UFC. 

O que muda com a derrota de Anderson Silva

1 de 5

Superlutas adiadas

Os sonhados duelos entre Anderson Silva e Jon Jones ou Georges St-Pierre - de preferência, no fim do ano, para festejar os 20 anos do UFC - estão muito mais distantes. Tanto "Bones" como GSP deverão continuar lutando dentro das suas categorias.

UFC: saiba o que ainda vem por aí em 2013

1 de 4

José Aldo x Chan Sung Jung

O campeão dos penas do UFC lutaria contra Anthony Pettis, mas o americano se lesionou durante os treinos e ficou fora do card. Pettis deu lugar ao sul-coreano Chan Sung Jung, conhecido como Zumbi Coreano. Será a segunda noitada de lutas no Rio com Aldo como o grande astro do evento - no outro evento estrelado por ele, ganhou de Chad Mendes. Outro duelo já confirmado para o card principal do dia 3 de agosto, na HSBC Arena, é entre Demian Maia e Josh Koscheck.

Os 12 trabalhos de Anderson 'Hércules' Silva

1 de 12

Carreira internacional

Anderson Silva participou de vários eventos no Brasil, mas sem conseguir grande destaque. Como vários lutadores brasileiros, a maioria sem sucesso, ele tentou a carreira internacional e participou de torneios como Meca, Cage Rage e Shotoo. O próximo passo foi tentar a sorte no Pride, evento que abrigava os principais brasileiros. Foi o início de sua trajetória de sucesso.

Assinaturas



Editora Abril Copyright © Editora Abril S.A. - Todos os direitos reservados