Por: Davi Correia, do Rio de Janeiro - Atualizado em

  • Voltar ao início

  • Todas as imagens da galeria:


Depois do segundo UFC Rio, em janeiro, Dana White deixou claro que esperava realizar outra noite de lutas no Brasil. Não conseguiu

Anderson Silva aceitou a revanche contra o falastrão Chael Sonnen sob uma condição: a luta deveria ser no Brasil. Mas o brasileiro não conseguiu fazer valer seu status de campeão dos médios - e, nesta terça-feira, viu o combate ser transferido para Las Vegas, nos Estados Unidos, ao contrário do previsto inicialmente (a luta chegou a ser confirmada para o Engenhão). Com isso, os fãs brasileiros não poderão ver Anderson lutar pela segunda vez consecutiva no Rio (a última foi no primeiro UFC na cidade, em agosto de 2011, quando ele derrotou o japonês Yushin Okami). Confirmando as especulações da última semana, o presidente do UFC, Dana White, anuncia oficialmente nesta terça-feira, no Rio, que a luta do brasileiro contra Sonnen - a quem Anderson já derrotou em 2010 - será uma das atrações do UFC 148, em 7 de julho, em Vegas. Antes mesmo que o chefão da franquia falasse, os cartazes expostos no salão da coletiva já confirmavam que o duelo acontecerá nos EUA.

Leia também:

Leia também: Por que tanta gente no Brasil e no mundo se apaixona pelo UFC

UFC 148, em Las Vegas

Card principal

Anderson Silva x Chael Sonnen

Dominick Cruz x Urijah Faber

Tito Ortiz x Forrest Griffin

Rich Franklin x Cung Le

Michael Bisping x Tim Boetsch

Renan Barão x Ivan Menjivar

Card preliminar

Demian Maia x Dong Hyun Kim

Riki Fukuda x Costa Philippou

Gleison Tibau x K. Nurmagomedov

Fabrício Morango x Melvin Guillard

Depois do segundo UFC Rio, em janeiro, Dana White deixou claro que esperava realizar outra noite de lutas no Brasil, com as finais do reality show The Ultimate Fighter e uma revanche entre os treinadores Wanderlei Silva e Vitor Belfort. O presidente ainda confirmou o confronto entre Anderson Silva e Chael Sonnen na mesma noite, e revelou o desejo de realizar a luta em um estádio de futebol, para mais de 50.000 torcedores, um número que representaria um novo recorde de público da franquia. O primeiro local oferecido pelos organizadores brasileiros foi o Estádio do Morumbi, em São Paulo, mas logo o Pacaembu começou a ser o preferido. Os dois estádios foram descartados devido ao limite de ruídos depois de 1 hora da madrugada, quando devem acontecer as últimas lutas do card principal.

Leia também:

Leia também: Anderson que se cuide - um lutador fora de ritmo vira alvo fácil

desta vez no Estádio do Engenhão

Anderson Silva ficou irritado e, nas conversas com seu staff, cogitou até insistir na realização do combate no Brasil

TAGs:
Anderson Silva
Chael Sonnen
Dana White
UFC